Cuidado Com a Clonagem de Cartões de Crédito

cartao-credito Cuidado Com a Clonagem de Cartões de CréditoA clonagem de cartões de crédito não é um fenómeno recente, contudo a maioria dos portugueses continua a não tomar as devidas precauções para evitar ser vítima desta fraude.

É preciso recuarmos quase dez anos para encontrarmos o primeiro episódio de clonagem de cartões em larga escala no nosso país. Durante o verão de 2006 foram clonados centenas de cartões em terminais de banco multibanco situados em bombas de gasolina na zona centro do país. Mais tarde viria a descobrir-se que apenas em 5 meses haviam sido clonados mais de 1500 cartões.

Infelizmente, apesar de já ter decorrido quase uma década desde esses episódios, o sistema de cartões continua vulnerável, o que significa que a maioria dos portugueses pode ser vítima deste tipo de fraude.

Em Que Consiste a Clonagem de Cartões

A clonagem de cartões é um processo relativamente simples que consiste em copiar os dados presentes na banda magnética de um cartão multibanco e em conseguir o seu código. Na posse destes dados, os criminosos criam um cartão clonado, que depois é utilizado para fazer levantamentos sem o conhecimento dos titulares dos cartões.

O método atualmente mais utilizado na clonagem de cartões de crédito consiste na utilização de um dispositivo de dimensões reduzidas conhecido como “skimmer”. Estes dispositivos podem ser inseridos na ranhura da máquina multibanco na qual se coloca o cartão e que copia as bandas magnéticas dos cartões inseridos.

Os “skimmers” utilizados nas máquinas de multibanco são muitas vezes acompanhados de câmaras ocultas que registam a introdução do código pessoal.

Em estabelecimentos como restaurantes é aplicado um outro método, ainda mais fácil de executar e difícil de detetar: quando a pessoa entrega o cartão de crédito ao funcionário para realizar o pagamento, este passa-o discretamente pelo “skimmer” gravando os dados do cartão. Ao manusear o cartão, o meliante decora também o nome do proprietário e o código de segurança de 3 dígitos presente no seu verso, ficando com todos os dados necessários para o utilizar.

Como Evitar Que o Seu Cartão Seja Clonado

Para evitar que o seu cartão de crédito ou débito seja clonado, deve adotar alguns comportamentos preventivos:

  • Mantenha sempre o seu cartão à vista;
  • Não revele o seu PIN a ninguém, nem o aponte em qualquer lado;
  • Evite códigos PIN demasiado óbvios como sequências numéricas simples, ou a sua data de nascimento;
  • Ao inserir o código PIN procure ocultar o teclado com o auxílio do corpo ou da mão;
  • Se notar algo suspeito, evite utilizar o seu cartão;
  • Faça um controlo regular dos movimentos da sua conta;
  • Sempre que detetar um movimento que não identifica entre de imediato em contacto com o seu banco.

Siga estas regras simples e evite ser vítima desta crime.

Comentários

comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Receba este Ebook Grátis!

Ao subscrever a nossa Newsletter (100% gratuita), para além de receber este ebook, ainda passará a ser alertado via email para:

  • Dicas de poupança
  • Dicas sobre formas de obter rendimentos extra
  • Passatempos e outras ofertas exclusivas
Fechar esta janela

Não perca mais tempo. Envie-nos o seu email e em breve estará a ver como valeu a pena!

Não se preocupe, o seu endereço de email nunca será divulgado a terceiros.