Como Pagar as Compras Pela Internet

Como-Pagar-as-Compras-Pela-Internet Como Pagar as Compras Pela InternetCada vez mais a internet é o marketplace preferido dos consumidores para fazer o mais variado tipo de compras, desde reservas de hotéis e viagens, a carros, produtos financeiros e tecnológicos, compras do supermercado, enfim, o mais variado leque de opções está agora à distância de um clique.

Apesar de ainda existir alguma desconfiança e ceticismo – lógicos neste tipo de transações – fazer compras online é cada vez mais seguro, desde que conheça e saiba utilizar as melhores ferramentas que tem ao dispor.

1. Cartões de Crédito

É sem dúvida alguma o método mais utilizado por quem faz compras ou reservas online e normalmente são requeridos o número, data de validade e código de segurança do cartão. Consequentemente, e tendo em conta que é o meio mais comum, é aceite por praticamente todas as instituições, principalmente se pertencer às redes American Express, Visa ou Martercard.

Contudo, deve ter atenção quanto à segurança e credibilidade do site onde está a fazer a compra antes de digitar as informações requisitadas, devido à existência de eventuais fraudes.

Em Portugal, praticamente todos os cartões de crédito do mercado possibilitam ao utilizador efetuar as suas compras na internet. Veja aqui quais os cartões de crédito existentes no mercado português.

2. PayPal

Este sistema de pagamento eletrónico é inovador e cada vez mais comum, o qual permite enviar e receber pagamentos através de um endereço de correio eletrónico, sem ser preciso comunicar os dados da conta bancária ou do cartão de crédito quando realiza alguma compra. Para além disso, pode ser a partir de qualquer local no mundo, independentemente do país ou moeda de origem.

As principais vantagens deste método passam por não ter custos de envio de pagamento, ser rápido, seguro (detém uma das mais baixas taxas de fraude do mundo: 0,3%) e de fácil utilização, e ainda não haver a partilha dos dados com a empresa.

Quer saber como funciona? Depois de abrir uma conta e associá-la ao seu cartão ou banco, para pagar as compras só tem de utilizar o seu email e palavra-chave, o montante e moeda da transação e o email do destinatário. Depois, o PayPal interpreta o papel de intermediário entre si e a empresa.

3. Transferência Bancária

Esta é outra das formas mais utilizadas e tradicionais de efetuar pagamentos via internet, constituindo uma forma prática de pagar as suas compras através de homebanking, aplicação do banco ou caixa de multibanco.

Tem apenas de saber o montante, Número de Identificação Bancária (NIB) do destinatário ou, se for caso, a entidade e referência.

4. Envio à Cobrança

Também conhecido como “contra-entrega”, este pagamento é realizado através dos CTT e pago quando a encomenda é entregue no destino escolhido. Deste modo, o utilizador compromete-se a pagar o produto quando o receber, através de dinheiro ou cheque.

A grande vantagem deste tipo de pagamento é que só paga depois de ter o produto/serviço na mão. Trata-se de um meio de pagamento rápido, cómodo e seguro. Porém, muitas empresas de comércio online não disponibilizam esta modalidade aos clientes e as que disponibilizam normalmente cobram uma taxa adicional.

5. MBNet

O serviço MBNet é basicamente um cartão de crédito virtual, que para se registar apenas precisa de ter um cartão de débito associado à conta bancária. De seguida, é-lhe atribuído uma identificação e um código secreto.

Depois de efetuado o registo, pode aceder à página do MBNet sempre que faça uma compra e criar um cartão temporário, que só pode ser utilizado uma vez.

O processo é muito seguro, não sendo obrigado a difundir os dados do cartão de débito. Por outro lado, a desvantagem mais visível é que, se sobreutilizar este método, poderá ter o acesso à conta bloqueado como forma de segurança de suspeita de fraude.

6. PaySafe Card

Este método de pagamento é ideal para os mais jovens, uma vez que o plafond disponível só vai até 100 euros, evitando que andem com dinheiro. Para além disso, quem utiliza o PaySafe pode usufruir de um sistema rápido, prático e não é obrigado a fornecer o número de cartão de crédito ou qualquer outro dado relacionado com a conta bancária.

Quanto ao cartão, este pode ser comprado em qualquer loja dos CTT e Payshop. No primeiro ano de utilização não são cobradas quaisquer taxas administrativas e a partir daí passam a ser cobrados 2 euros por mês.

Este artigo foi produzido pela equipa do ComparaJá.pt, a mais recente plataforma online de agregação e comparação de produtos financeiros em Portugal, como cartões de crédito e crédito pessoal.

Comentários

comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Receba este Ebook Grátis!

Ao subscrever a nossa Newsletter (100% gratuita), para além de receber este ebook, ainda passará a ser alertado via email para:

  • Dicas de poupança
  • Dicas sobre formas de obter rendimentos extra
  • Passatempos e outras ofertas exclusivas
Fechar esta janela

Não perca mais tempo. Envie-nos o seu email e em breve estará a ver como valeu a pena!

Não se preocupe, o seu endereço de email nunca será divulgado a terceiros.