GalpShare: Partilhe o seu carro

carpool GalpShare: Partilhe o seu carroDo mesmo género do site DêBoleia, já aqui divulgado, eis que surgem duas novas iniciativas relacionadas com a partilha de automóveis.

Uma das iniciativas é da Galp Energia com o seu novo programa denominado Galp Share.

A Galp Energia assinou recentemente um protocolo com o governo com o objectivo de incentivar a utilização deste sistema e de criar condições mais vantajosas para os seus aderentes.

Veja o anúncio deste programa:

Outra iniciativa que surgiu recentemente tem o nome Carpool – Partilha de Viagens.
O funcionamento é semelhante ao DêBoleia mas um pouco mais sofisticado. Este site utiliza Google Maps para facilitar as acções do utilizador.

Em todos estes programas, os objectivos são bem claros: diminuir a quantidade de carros em circulação, facilitando o tráfego e reduzindo a emissão de gases e, obviamente, poupar dinheiro!

Comentários

comentários

15 respostas

  1. Luis Ramos diz:

    Estes sites introduzem em Portugal um conceito que já existe há bastante tempo no estrangeiro e que faz todo o sentido!

    Acredito que não seja indicado para toda a gente mas traz diversas vantagens, entre elas:
    – Divisão dos custos de transporte
    – Companhia durante a viagem (principalmente para quem passa muito tempo sozinho no trânsito)

  2. Miguel diz:

    Também acho que as vantagens superam as desvantagens… mas temos de ser cautelosos com quem vamos de boleia ou damos boleia!
    Pode ser uma oportunidade para pessoas menos honestas, vamos acreditar que nada de mal vai acontecer 😉

  3. Luis Ramos diz:

    Sim, há sempre esse risco.. quer neste projecto quer noutros como o couchsurfing…

    Mas pelo menos no couchsurfing, que conheço melhor, nunca tive problemas! Mas convêm ter sempre algum cuidado e tomar algumas precauções 🙂

    Abraço

  4. Miguel diz:

    Sinceramente, não conhecia esse conceito “couchsurfing”, ou pelo menos não sabia que tinha nome. Estamos sempre a aprender.
    Abraço

  5. Luis Ramos diz:

    Boas,

    Não vou indicar o site porque não sei se o posso fazer mas se pesquisares é facil de encontrar!

    Para quem gosta de viajar, conhecer novas culturas, é fantástico! Poupas no alojamento e conheces pessoal muito louco!

    Até para quem gosta de ficar em hóteis podes sempre ir sair depois com o pessoal do couchsurfing da cidade, por isso é sempre bom!

    Inscreve-te e procura também os grupos na tua cidade, de certeza que há! Vai a algumas actividades, vais gostar!

    Abraço

  6. Miguel diz:

    Obrigado Luis, já pesquisei e já encontrei. Até estou a pensar criar um post aqui no blog a divulgar o couchsurfing.
    Muito obrigado

  7. elsa121 diz:

    Ainda sinto bastante receio neste tema. É uma ideia excelente se bem aplicada no entanto todos sabemos que corremos um risco enorme ao aceitar um estranho como nossa companhia.

    Ainda estou com um pé atrás.
    .-= Venha ler o meu último post ..Trial Nort’4×4 2009 – 1ª Prova: Braga =-.

  8. nelia guerreiro diz:

    este e como o outro das ferias com tanto maluco a solta tenho um bocado de medo.

  9. Pedro Guedes Leite diz:

    Hoje em dia programas como este são boas alternativas mas algumas medidas de segurança têm que ser tomadas, ainda por coima com a crimalidade a crescer no nosso país.

  10. Teresa diz:

    tratando-se de estranhos tenho recei, mas combinar com umvizinho ou com um amigo é uma óptima ideia…. assim dividem-se custos!

    mas melhor do que utilizar o carro só mesmo os transportes públicos… desde que o horário do trabalho seja compatível… é uma óptima opção…. sempre descansados sem termos de nos preocupar com o trânsito.

  11. Cristina Silva diz:

    Confesso que tenho receio disto… Nunca se sabe quem nos aparece pela frente!

  12. Teresa diz:

    Já somos duas Cristina. E ontem estive a falar com uma colega e ela diz que até entre conhecidos há sempre chatices com a partilha dos carros….

  13. maria diz:

    Eu como vou trabalhar a pé, não posso dividir o carro com ninguém 😛

  14. Gabriel Meira diz:

    Olá pessoal, eu sou de Viana do castelo e trabalho no porto de Leixões, ou seja a 65 km de casa. Contudo, consegui juntar-me a mais três colegas e dividimos as viagens. A minha pergunta é a seguinte, se alguém ouviu como eu ouvi. que o estado português ajudava monetariamente a quem tivesse essa iniciativa, talvez subsidio! Se alguém me puder ajudar com mais esclarecimentos específicos agradecia, obrigado.
    Gabriel Meira

  15. Edite diz:

    Olá eu sou de Mafra, e partilho boleia nos percursos, Mafra- Lisboa Aeroporto/ Sacavém /Prior velho,ou Expo-Parque nas Nações

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Receba este Ebook Grátis!

Ao subscrever a nossa Newsletter (100% gratuita), para além de receber este ebook, ainda passará a ser alertado via email para:

  • Dicas de poupança
  • Dicas sobre formas de obter rendimentos extra
  • Passatempos e outras ofertas exclusivas
Fechar esta janela

Não perca mais tempo. Envie-nos o seu email e em breve estará a ver como valeu a pena!

Não se preocupe, o seu endereço de email nunca será divulgado a terceiros.