Como poupar dinheiro levando refeições para o trabalho

refeiçao Como poupar dinheiro levando refeições para o trabalho

Das várias dicas ligadas à poupança de dinheiro, fala-se muito em poupanças nas compras para casa, em poupanças ligadas à restauração e saídas e em poupanças em bens de consumo. Mas nem sempre falamos de poupar dinheiro com as refeições do trabalho.

Se começarmos a avaliar o dinheiro gasto nas refeições do almoço durante a semana e no período de trabalho, iremos ficar surpreendidos. Durante a semana, no meio do trabalho e da pressa constante, somos levados a consumir refeições rápidas em cafés e restaurantes próximos do nosso local de trabalho. Sem nos darmos contas, rapidamente gastamos bastante dinheiro nesse tipo de refeições, dinheiro esse que poderia ser gasto em compras alimentares para casa ou convertidos em poupanças!

Cada vez mais os portugueses têm vindo a adotar a prática de fazer as suas próprias refeições levando-as para o trabalho. Em muitas empresas, os trabalhadores juntam-se na sala de refeições e cada vez são mais aqueles que trazem a “marmita” pronta, comendo assim uma refeição mais saudável…e mais barata!

Se ainda não se converteu, saiba como é que pode poupar dinheiro levando refeições para o trabalho e que tipo de refeições é que pode realizar de forma muito simples e rápida.

Aproveite a hora do jantar na véspera para preparar a sua refeição

Não precisa de perder tempo suplementar para realizar as suas refeições para o trabalho: aproveite enquanto prepara o jantar para preparar rapidamente o almoço do dia seguinte! Poupa assim tempo e louça suja. Preparar uma salada ou um sanduíche com coisas saudáveis como frango, atum, ovo ou frutos do mar é muito rápido enquanto o seu jantar fica pronto. Se tiver sobras no frigorífico pode aproveitar para preparar o seu almoço utilizando-as, poupando assim ainda mais dinheiro e tempo de preparação!

Evite as refeições prontas e/ou congeladas

O objetivo é que poupe dinheiro e que coma melhor. As refeições prontas e/ou congeladas disponíveis, por pouco dinheiro, na maioria dos supermercados são tentadoras, mas acredite: é bem mais barato fazer aquela refeição em sua casa! E mesmo que a ideia lhe pareça complicada, não ceda à tentação e ao facilitismo.

Um truque é, quando cozinhar, aproveitar para o fazer em grandes quantidades e congelar o excesso, para que possa ter sempre refeições pré-preparadas aos quais seja só preciso juntar eventualmente algum acompanhamento.

As refeições prontas, por mais tentadoras e baratas que sejam, não são as escolhas mais saudáveis e por serem vendidas em porções individuais reduzidas, faz com que não fique totalmente saciado!

Escolha uma caixa adaptada para transportar a refeição

Para não arriscar em estragar ou perder a sua refeição no transporte ou caminho para o trabalho, escolha uma caixa que feche bem e, se possível, própria para comida. Hoje é possível encontrar caixas de marmita com as mais diversas formas, cores, feitios e preços e é preferível comprar uma caixa adaptada do que arriscar-se a desperdiçar comida!

Se preparar refeições que têm que ser aquecidas, escolha uma caixa adaptada ao microondas ou opte por uma lancheira elétrica!

Planeie com antecedência as refeições

O facto de planear com antecedência (uma semana é o ideal) as refeições da semana, permite que concentre as suas compras todas numa só vez, evitando assim de ir desnecessariamente ao supermercado, e permite ter todos os ingredientes que necessita para as suas refeições e não deixar de levar refeições para o trabalho porque lhe “falta algo”.

Ter uma lista precisa de todos os ingredientes e produtos que precisa para a sua semana – e comprar unicamente o que colocou na lista – irá permitir-lhe poupar muito dinheiro!

Nas suas compras, se gostar de comer alguma coisa nas manhãs e tardes no trabalho, planeie igualmente esses “lanches” para não ter a tentação de ir gastar dinheiro ao café da rua!

Refeições a menos de um euro por pessoa em casa é possível

A Fundação Calouste Gulbenkian juntou-se à Fundação EDP e à SIC e preparou um documento com receitas práticas, rápidas e muito baratas que custam um euro (ou menos) por pessoa. Preparar as suas refeições em casa e levando-as para o trabalho permite que, não somente tenha total controlo sobre o que come, mas também permite que poupe muito dinheiro e que o subsídio de alimentação seja poupando ao final do mês!

Para além da comida, não se esqueça dos snacks e das bebidas, como água e café

Temos tendência em associar somente refeições a comida sólida e a almoço ou jantar, esquecendo-se daquelas pequenas comidas que comemos durante o dia. Traga também de casa as bebidas que tem por hábito consumir durante o dia, sejam elas água ou café. No caso da água, isso evitará que compre água a preços altamente inflacionados nos cafés, restaurantes ou máquinas. O café ou chá pode trazer num termo próprio para bebidas quentes que mantenha a bebida quente durante várias horas seguidas!

Os snacks, fruta ou frutos secos que queira consumir durante o dia são, também eles, bem mais baratos nos supermercados. Aproveite para os trazer de casa.

Poupar dinheiro levando refeições para o trabalho é cada vez mais uma tendência adotada pelos portugueses e com toda a razão: essa prática leva a poupanças muito importantes nos orçamentos familiares que não podem ser desprezados.

Aproveite, você também, para levar as suas refeições para o trabalho e poupe assim mais dinheiro todos os meses!

Comentários

comentários

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Receba este Ebook Grátis!

Ao subscrever a nossa Newsletter (100% gratuita), para além de receber este ebook, ainda passará a ser alertado via email para:

  • Dicas de poupança
  • Dicas sobre formas de obter rendimentos extra
  • Passatempos e outras ofertas exclusivas
Fechar esta janela

Não perca mais tempo. Envie-nos o seu email e em breve estará a ver como valeu a pena!

Não se preocupe, o seu endereço de email nunca será divulgado a terceiros.