Poupar ainda mais com as Viagens Low Cost

ryanair-easyjet-low-cost Poupar ainda mais com as Viagens Low CostA procura de viagens a preços baixos tem aumentado exponencialmente, assim como a oferta. No entanto, hoje, mais do que nunca, já não se procura apenas poupar na tarifa da viagem de avião, mas sim poupar também nas taxas cobradas à parte, nomeadamente nas companhias low cost, muitas vezes indicadas nos asteriscos que ninguém lê.

Para que possa entender e precaver-se de determinadas taxas, deixamos aqui algumas dicas aplicáveis a duas das principais companhias aéreas low cost a operar em Portugal.

RYANAIR

Para os que viajam ou pretendem viajar com a Ryanair:

  • Taxa de cartão e crédito: esta taxa é de 2% do valor total da transação (que inclui taxa de reserva) e pode ser evitada se efetuar o pagamento por cartão de débito.
  • Taxas de embarque prioritário e de lugares reservados: para que estas taxas não lhe sejam cobradas, basta que não selecione os serviços.
  • Taxa de reemissão de Cartão de Embarque no Aeroporto: para que esta taxa, no valor de 15€ não lhe seja cobrada, imprima e apresente o cartão de embarque online no aeroporto.
  • Taxa de bagagem de porão: é com esta taxa, variável, que muitas vezes se acaba por gastar bem mais do que o inicialmente previsto. A bagagem de mão pode ter até um máximo de 10 kg e com dimensões máximas de 55cm 55cm x 40cm x 20cm. Pode levar também, gratuitamente, uma bolsa pequena até 35cm x 20cm x 20cm. Caso exceda estes valores, uma primeira mala (até 15 kg) pode custar-lhe entre 30 e 70 euros.
  • Taxa de check-in: normalmente, as viagens compradas online incluem o check-in online gratuito, no entanto tenha esse detalhe em atenção no ato de compra, uma vez que a taxa de check-in no aeroporto é de 70 euros.

EASYJET

À semelhança da Ryanair, a easyJet também cobra algumas taxas que poderá evitar, todavia esta caracteriza-se por ser um companhia aérea só com check-in online e portanto não terá de se preocupar com taxas de check-in.

  • Taxa de cartão de crédito: ao pagar com o cartão de débito contorna uma taxa de 2% do valor da transação (que inclui a taxa de reserva).
  • Taxas de embarque prioritário e lugares reservados: no ato da compra, não selecione estas opções e deste modo as taxas não serão aplicadas.
  • Taxa de excesso de bagagem: para que a sua bagagem de mão viaje consigo, garantidamente, não poderá exceder os 50cm x 40cm x 20cm (incluindo pegas e rodas), no entanto, e correndo o risco da sua bagagem de mão ir no porão, sem qualquer custo adicional, as dimensões poderão ir até a um limite de 56cm x 45cm x 25cm (incluindo pegas e rodas), sendo que em nenhuma das opções existe um limite de peso. No caso de se verificar excesso de bagagem, a taxa paga no aeroporto pode ir de 35 a 55 euros.

Posto isto, tenha em atenção a próxima vez que comprar viagens low cost e evite surpresas desagradáveis logo na chegada ao aeroporto de partida.

Os valores aqui apresentados são os indicados pelas companhias aéreas e podem sofrer alterações.

Comentários

comentários

12 respostas

  1. Mónica Pereira diz:

    Ter em atenção que, pelo menos na easyjet, apenas se pode levar uma bagagem de mão e isto inclui malas de senhoras ou malas de máquinas fotográficas, por exemplo. O melhor é ter sempre espaço na mala de cabine para lá colocar a mala de ombro.

  2. jotix diz:

    Mesmo com a easyjet e a Ryanair nem sempre apresentam preços em conta. Visto os aéroportos secundarios que utilizam e outros fatores.
    é sempre preferivel fazer uma analise dos preços pelos motores de pesquisacom esse efeito.

  3. Carlos Neves diz:

    Atenção que a Ryanair não permite o pagamento com cartão de débito, pelo menos em Portugal.

  4. Sofia Oliveira diz:

    Já viajei muito em low cost, mas sempre que posso evito, quando vivia em inglaterra um dia por causa do nevão fiquei retida no Porto 4 dias, todos os dias tinha de ir lá de manha cedo para reemitirem o bilhete e de cada vez pagava 15€, ou seja no fim das contas paguei muito mais do que se tivesse ido na tap e fiquei num aeroporto muito mais longe do centro de Londres do que se tivesse ido com a tap, claro que com bom tempo e para ir fazer umas compras ou passear vale a pena.

  5. Susana Galveias diz:

    Mas gostava de poder viajar…não tenho euros para isso, com muita pena minha.

  6. ACláudia Freitas diz:

    Antigamente viajava bastante antes de ser mãe mas sempre viagens de longo curso, a cerca de 4 anos fiz uma viagem de amigas ate Londres e vou em voo low cost foi barato apenas com bagagem de mão tudo uma pechincha mas a qualidade do voo nada teve a ver com o que estava habituada …deu para o gasto como se cotuma dizer srrs

  7. Joana Pereira Happiny diz:

    Muito cuidado nesta hora. Ainda na semana passada havia um voo da ryanair que queria reservar, quando chegou a altura das taxas ficava mais caro que por uma companhia normal, óbvio que troquei e a diferença eram 100€. Mas na altura da reserva, nos sites de comparação, é o preço sem taxas que aparece. Temos de ter o olho bem aberto 😉

Deixar uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Receba este Ebook Grátis!

Ao subscrever a nossa Newsletter (100% gratuita), para além de receber este ebook, ainda passará a ser alertado via email para:

  • Dicas de poupança
  • Dicas sobre formas de obter rendimentos extra
  • Passatempos e outras ofertas exclusivas
Fechar esta janela

Não perca mais tempo. Envie-nos o seu email e em breve estará a ver como valeu a pena!

Não se preocupe, o seu endereço de email nunca será divulgado a terceiros.