house-sitting

house-sittingSente uma vontade imensa de viajar, mas o seu extrato bancário não permite grandes aventuras? Alegre-se! Hoje existem diversas alternativas que permitem fazer férias low cost. Viajar sem arrasar com o seu orçamento já não é utópico!

O house sitting enquadra-se exatamente nesta ideia de viajar com os gastos controlados. Caso ainda não conheça o conceito, passamos a explicar: o house sitting consiste numa troca, na qual quem está a viajar recebe alojamento, ficando responsável pela casa e eventualmente pelos animais de estimação, de alguém que se encontra fora da sua residência.

É uma troca com vantagens óbvias para ambos os lados. Quem cede a casa sente uma maior tranquilidade por saber que a sua habitação não ficou ao “abandono”, enquanto os viajantes têm acesso a alojamento gratuito.

Principais Vantagens do House Sitting

Para os viajantes, o house sitting representa diversas vantagens – o que aliás justifica a sua crescente popularidade. Como já ficou sublinhado, o principal apelo desta tendência incide na redução dos custos com a viagem.

O custo do alojamento é quase sempre um dos principais entraves que os viajantes encontram durante as suas aventuras pelo mundo. O house sitting permite reduzir esse gasto a zero, o que significa que os viajantes podem canalizar mais dinheiro para usufruírem realmente das localidades que estão a conhecer.

Uma parte do dinheiro que seria canalizado para os custos com alojamento pode ajudar a pagar experiências inesquecíveis, como tours, visitas a monumentos e espetáculos. O restante dinheiro pode servir para prolongar as férias. Sem o custo do alojamento, os viajantes podem visitar mais locais e prolongar a sua viagem durante mais tempo.

Leia também:  Ensinando as Crianças a Poupar Energia

Outro benefício que não deve ser esquecido é o conforto proporcionado por uma verdadeira habitação. Quem opta pelo house sitting tem geralmente acesso a todas as comodidades que caraterizam as habitações: uma cozinha equipada, espaços amplos para descomprimir ou até para trabalhar (algo cada vez mais comum entre os viajantes profissionais) e até acesso à Internet.

E finalmente, o house sitting permite conhecer de outra forma a realidade social do país que se está a visitar. Ao ficarem numa casa privada, os viajantes incorporam alguma rotina nas suas férias, o que promove um contacto direto com a população local. A referida rotina pode incluir atividades como passear os animais ou fazer compras regulares.

Sites de House Sitting

O número de sites especializados em house sitting tem crescido de forma substancial nos últimos anos. O MindMyHouse e o TrustedHousesitters são duas referências internacionais, que disponibilizam diariamente centenas de ofertas.

Com o espírito certo e uma boa dose de responsabilidade é possível transformar o house sitting na fórmula certa para conhecer o mundo. Atreva-se!

1 COMENTÁRIO

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here