Combata as baratas: Dicas para uma casa livre de pragas

Diga adeus às baratas com as nossas dicas. Descubra armadilhas e truques caseiros para eliminar estas pragas indesejadas.

Baratas mortas

A não ser que tenha alguma simpatia por baratas, o mais certo é não as querer ver por perto. 😛

Ver-se totalmente livre das baratas envolve mais do que apenas pulverizar inseticida ou espalhar armadilhas. As baratas conseguem se esconder em qualquer sitio da casa, multiplicam-se rapidamente e sobrevivem por vários meses sem comida e até duas semanas sem água.

Passos para se livrar de vez das baratas em sua casa

Ver-se livre de uma infestação de baratas e prevenir o seu reaparecimento, pode não ser uma tarefa fácil, mas seguindo as dicas que aqui partilhamos, acredito que em breve vença não só a batalha, como também a guerra! 😀

Faça uma limpeza geral e elimine as fontes de alimento

Um dos passos mais importantes tanto para eliminar as baratas como para prevenir o seu aparecimento, é a limpeza do local.

💡
Descubra as melhores oportunidades para poupar e ganhar dinheiro!
Clique aqui para saber mais.

Deve começar por eliminar tudo o que atrai as baratas, como as fontes de alimento e de água. Ou seja, garanta que as baratas não têm forma de se alimentarem, isolando zonas por onde elas possam passar e reparando fugas de água nas canalizações.

Faça uma limpeza geral à casa, com principal foco na cozinha, já que é nesse local que as baratas habitualmente se alojam.

Não se esqueça de limpar por baixo e por detrás do forno, do frigorífico, da máquina de lavar loiça e dos armários de cozinha.

Após as refeições tenha sempre o cuidado de não deixar migalhas, restos de comida ou líquidos derramados nas superfícies, assim como gordura acumulada no fogão e no exaustor.

Nunca deixe loiça por lavar na banca da cozinha, opte por lavá-la de imediato ou coloque-a na máquina de lavar loiça.

Armazene os alimentos em sacos ou embalagens seladas e, se possível, limite o consumo de alimentos apenas a uma divisão da casa (a cozinha) para evitar migalhas e outros restos de alimentos espalhados pela casa.

Se tem cães ou gatos, esvazie ou cubra os recipientes da comida durante a noite.

Tente, sempre que possível, despejar o caixote do lixo todos os dias após a última refeição do dia.

Não deixe o esfregão da loiça húmido e exposto ao ar, opte por o guardar num recipiente hermético. Os panos de cozinha húmidos também não devem ser deixados expostos, portanto deixe-os a secar no exterior da casa ou coloque-os diretamente na máquina de lavar roupa.

Elimine os esconderijos das baratas

As baratas gostam de se esconder em espaços escuros e pequenos, por isso, se conseguir eliminar esses locais onde se encontram, elas serão forçadas a sair para procurar outro espaço com essas caraterísticas. Isso faz com que se exponham a céu aberto, dando-lhe a oportunidade de as aniquilar nesse mesmo momento.

Recorra a armadilhas, sprays e truques caseiros para aniquilar as baratas

Existem imensos produtos à venda para eliminar baratas. Desde sprays de aplicação direta, a armadilhas com isco (veneno) que as baratas comem e transportam para o ninho onde acaba depois por matar as outras baratas.

Mas se preferir utilizar um método caseiro para o mesmo efeito, é bastante simples! Faça uma mistura em porções iguais de açúcar com fermento em pó e coloque no local onde as baratas costumam passear. E é vê-las a tombar pró lado! 🙂

Impacto das baratas na saúde humana

As baratas não são apenas criaturas indesejadas que nos fazem saltar de susto quando aparecem de surpresa. Elas também podem ser prejudiciais à nossa saúde.

As baratas são conhecidas por carregar uma variedade de bactérias perigosas, que podem causar várias doenças em humanos. Elas podem contaminar os alimentos e as superfícies da casa com essas bactérias, simplesmente ao rastejar sobre elas. Entre as doenças que podem ser transmitidas por baratas, incluem-se a salmonela, a E. coli e outras formas de gastroenterite. Os sintomas dessas doenças podem variar, mas geralmente incluem náuseas, vômitos, diarreia e dores abdominais.

Além disso, as baratas são conhecidas por causar problemas alérgicos e asmáticos, especialmente em crianças. As partículas de fezes de baratas, a sua casca e os restos do seu corpo podem se espalhar pelo ar e, quando inalados, podem desencadear reações alérgicas e crises de asma. Os sintomas podem incluir espirros, olhos lacrimejantes, congestão nasal, tosse e falta de ar.

Por último, mas não menos importante, as baratas podem causar stress e ansiedade. A presença constante dessas pragas pode levar a sentimentos de desconforto e medo, afetando a nossa qualidade de vida e bem-estar mental.

Por todas estas razões, é fundamental tomar medidas para eliminar as baratas da nossa casa e prevenir a sua reaparição. Lembre-se, a melhor defesa é um bom ataque! Então, mãos à obra e vamos livrar a nossa casa dessas indesejadas visitantes!

Curiosidades científicas sobre as baratas

As baratas são criaturas fascinantes… quando estão bem longe de nós, claro! Mas, brincadeiras à parte, há muito mais sobre as baratas do que a sua reputação de pragas indesejadas. Aqui estão algumas curiosidades científicas sobre esses insetos resilientes:

  • Espécies de baratas: Sabia que existem mais de 4.000 espécies de baratas no mundo? No entanto, apenas cerca de 30 dessas espécies são consideradas pragas. As mais comuns nas nossas casas são a barata americana, a barata alemã e a barata oriental. Cada uma tem características únicas, mas todas elas adoram ambientes quentes e húmidos.
  • Resiliência: As baratas são conhecidas pela sua incrível capacidade de sobrevivência. Elas podem viver sem comida por até um mês e sem água por até duas semanas! Além disso, uma barata pode sobreviver sem a sua cabeça por uma semana, pois respira através de pequenos orifícios no seu corpo e não depende da boca ou nariz para respirar.
  • Rápida reprodução: As baratas reproduzem-se a uma velocidade alarmante. Uma única fêmea pode produzir até 30.000 descendentes num ano! Isso significa que uma pequena infestação pode rapidamente se transformar num grande problema se não for tratada a tempo.
  • Velocidade: As baratas são incrivelmente rápidas. Elas podem correr até 4,8 km/h, o que pode não parecer muito, mas quando ajustado ao seu tamanho, é como se um humano corresse a uma velocidade de 320 km/h! Isso ajuda-as a escapar rapidamente de predadores… e de nós, quando tentamos eliminá-las.
  • Antiguidade: As baratas estão na Terra há muito tempo. Fósseis de baratas foram encontrados que datam de mais de 300 milhões de anos atrás, o que significa que elas sobreviveram a várias extinções em massa, incluindo a dos dinossauros. Isso é uma prova da sua incrível capacidade de adaptação.

Entender melhor estas criaturas pode nos ajudar a desenvolver estratégias mais eficazes para controlá-las. Então, da próxima vez que encontrar uma barata, lembre-se: ela é mais do que apenas uma praga indesejada, é um pequeno milagre da natureza… que ainda assim, não queremos na nossa cozinha! 😀


Receba alertas de amostras grátis, dicas de poupança e outras oportunidades incríveis diretamente no seu email:


Veja também:


Messenger Poupa e Ganha

14 Comentários

  1. Pois é um bicho nojento como este não deveria existir. Felizmente nunca tive a visita deles em casa e espero nunca vir a ter mas sem dúvida é uma óptima solução

  2. São tão nojentas… Por acaso (e por grande sorte) não costumo cruzar-me com elas mas se acontecer já sei como lhes dar as boas vindas 😀

  3. Excelente receita que é de certeza muito mais fácil e barata do que aqueles pesticidas. Ainda bem que não te baratas em casa 😀

  4. Estes bichos são tão nojentos… acho k se alguma aparecesse lá por casa, o meu gato tratava-lhe da saúde 😛

  5. Para se livrar das baratas também poderá colocar num pires (por exemplo) três dentes de alho esmagados e um pouco de sal. é só espalhar esta mistura pela área que quer ver livre de baratas!

  6. Luana, o açúcar atrai a barata enquanto que o fermento vai reagir no estômago… vai fermentar e fazer com que a barata “expluda”.

  7. Olá Miguel, neste site há sempre ideias fantásticas, obrigada. Embora eu não tenha baratas, mandei a uma amiga minha, que me deu uma dica da Avó dela para RATOS. Um recipiente com açúcar e gesso, e outro ao lado com água. PUM!

    1. COMO BIÓLOGA, POSSO GARANTIR AS SUGESTÕES SÃO ÓTIMAS PORQUE ALÉM DE NÃO USAR VENENO, O MEIO AMBIENTE AGRADECE! AINDA ACABA DE FORMA SIMPLES AS BARATAS!

  8. Nunca tinha ouvido esta dica. Vou apontar.
    Se bem que felizmente não tenho esse problema das baratas nas embalagens de comida, opto sempre por colocar as coisas em frascos de vidro/plastico com tampa que compro ou reaproveito.
    É so fazer uma etiquetazinha bonita e está feito.

  9. Gostei da dica de matar barata, esta dica eu ainda não conhecia, vou fazer, e obrigada por passar no meu blog e deixar um recadinho. beijinhos

  10. é elimina algumas sim, mais não todas, não sei eu fiz aqui em casa para a quelas pequenas chamadas de francesinhas mas parece que elas depois não comem mais, ate parece que elas sabem ai voltam de novo, mas sem comeremmais nada kkkkk

Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *