Smartphone Cubot Dinosaur

Já mencionei a marca CUBOT por diversas vezes aqui no Poupa e Ganha, até porque foi essa a marca do meu primeiro telemóvel dos chineses!

É portanto uma marca em que confio, e a minha experiência com o CUBOT Dinosaur que vou aqui relatar, veio reforçar essa confiança. São telemóveis muito baratos!? Sem dúvida, mas isso não invalida que tenham boa performance. E se formos a comparar com equipamentos da mesma gama à venda nas lojas físicas em Portugal, então aí é que valorizamos ainda mais a relação custo/beneficio dos ditos telemóveis dos chineses! 🙂

Smartphone CUBOT Dinosaur

Uma performance razoável, autonomia e um preço incrivelmente baixo, fazem deste equipamento uma excelente opção para a maioria dos utilizadores.

Vejamos as principais características deste smartphone…

O CUBOT Dinosaur tem um ecrã de 5.5” com uma resolução de 1280 x 720 pixels (HD). Está equipado com um processador MTK6735A Quad-Core 64 bits de 1.3GHz, 3GB de RAM e armazenamento interno de 16GB que pode ser expandido usando um cartão microSD.

Corre o sistema operativo Android 6.0 (Marshmallow), tem câmara traseira de 13MP com flash LED e uma câmara frontal de 5MP.

A bateria deste equipamento é removível e com uns generosos 4150mAh.

Está disponível em 3 cores: branco, preto e dourado.

Pouco mais há a dizer sobre as especificações do CUBOT Dinosaur. É um smartphone muito simples e com as funcionalidades básicas, mas suficientes para o mais comum dos utilizadores.

Leia também:  Smartphone Elephone P7000 Pioneer

Os acessórios que o acompanham são: cabo USB, carregador e capa de silicone. A película de proteção vem já aplicada no ecrã.

Conteúdo da caixa do CUBOT Dinosaur

A minha experiência com o CUBOT Dinosaur

Assim que abri a caixa, a primeira impressão é que o CUBOT Dinosaur não é propriamente o smartphone mais bonito que já vi. Mas a culpa em parte é da capa de silicone, que vem já colocada, e que lhe dá um aspeto muito pesado. Retirando essa capa, a “coisa” melhora um pouco!

Repare no aspeto deste smartphone com a capa de silicone colocada. Sem dúvida que fica bem protegido, mas não o embeleza lá muito! 😛

Apesar de ser um Quad-Core, durante os meus testes o CUBOT Dinosaur funcionou sempre de forma muito fluída. Em nenhum momento notei bloqueios ou falhas, mesmo com várias aplicações em execução em simultâneo.

O sistema operativo é o Android 6.0 sem nenhum tipo de bloatware. Apenas as aplicações básicas, tal como eu gosto!

A câmara de 13MP não surpreende, a qualidade das fotografias principalmente com pouca luz, é fraquinha, mas dá para um desenrasque. De qualquer forma, tendo em conta se tratar de um smartphone de gama-baixa, até é bem aceitável esta qualidade.

A bateria de 4150mAh é um dos pontos fortes deste equipamento, conferindo-lhe uma autonomia acima da média. O que pode ser tido com um pequeno contra é o peso deste terminal… na minha balança pesa 199 gramas!

Leia também:  Smartphone Ulefone Paris - Tanto por tão pouco!
Peso do CUBOT Dinosaur
Um pouco pesado, mas está justificado pela excelente autonomia.

Em relação ao GPS, a fixação de satélites é rápida! Como dou bastante uso a aplicações de GPS, este é mais um ponto que me agradou imenso.

Convido-o agora a assistir a um pequeno vídeo que fiz a demonstrar o CUBOT Dinosaur:

Quanto custa o CUBOT Dinosaur?

No momento em que escrevo este artigo, o smartphone CUBOT Dinosaur custa na TomTop 103.39€ se o encomendar da China. Infelizmente neste momento está sem stock em Espanha.

CUBOT Dinosaur na TomTop

Duvido que encontre um smartphone com as características deste CUBOT Dinosaur numa loja física nacional, a um preço tão reduzido como o praticado pela TomTop. Mas se encontrar, por favor partilhe essa informação nos comentários. 😉

2 COMENTÁRIOS

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here