Não caia no truque dos “Dois Euros e Noventa e Nove Cêntimos”

Truque utilizado pelos comerciantes para causar a ilusão de preço baixo atraindo a sua preferência para determinados produtos expostos.
moedas

Mais um técnica utilizada pelas superfícies comerciais para nos iludir: os preços terminados em 99 cêntimos.

Como consumidores atentos que somos, não nos deixamos iludir e arredondamos mentalmente os 29,99€ para 30€, não é? 😉

Mas se todos temos este hábito, porque é que os comerciantes continuam a utilizar essa técnica?

Nós processamos a informação da esquerda para a direita, e neste caso, como o “2” é processado em primeiro lugar, consideramos logo mais apelativo do que um “3” ao compararmos preços. Mesmo que faça o arredondamento imediato desse valor para 30€, já está a olhar para o produto!

Portanto, não pense que os 99 cêntimos servem apenas para que o produto aparente ser mais barato! O objetivo é também atrair a sua atenção para esse produto aumentando assim a probabilidade de o mesmo ser vendido. Como se de um chamariz se tratasse!

Assim, ao ter na mesma prateleira um produto que custe 30€ e outro que custe apenas 29,99€, é provável que o segundo produto tenha mais saída, mesmo sendo de qualidade igual ou inferior ao de 30€.

Já deve ter reparado em alguns preços marcados com os “euros” em letras enormes, e os “cêntimos” em tamanho minúsculo! Porque será? 😛

Cabe-lhe a si decidir o que realmente precisa abstraindo-se destes truques dos vendedores.


Subscreva a nossa newsletter para ficar sempre a par das novidades e receber alertas de novas amostras grátis e outras oportunidades para poupar e ganhar dinheiro… diretamente no seu email!

Não encontrou a informação que procurava? Faça uma pesquisa aqui:

Talvez lhe interesse:

2 respostas

  1. É verdade sim senhor, estudei isso em marketing. E tb usam a politica de colocar os produtos mais caros ao nivel dos olhos e os bens essenciais longe das caixas e “portas” de saída, para nos obrigar a correr mais corredores e pelo caminho colocando mais umas coisinhas no carrinho. Uma boa ideia para moderar-mos muitas vezes os nossos consumos é, em vez de levar um carrinho, levar um cesto, mas daqueles de mão e não os novos com rodinhas. Acredite que assim que começar a pesar muito na mão, corremos logo para a caixa!
    Uma boa Páscoa para si e toda a familia!
    Silvia

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Partilhe este artigo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Sugestão de leitura

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.