Se vai viajar dentro da União Europeia, é aconselhável fazer-se acompanhar do Cartão Europeu de Seguro de Doença (CESD).

Trata-se de um cartão que torna mais fácil aos cidadãos da União Europeia, o acesso a cuidados de saúde durante as visitas temporárias a outros países da Europa.

Ou seja, se precisar de assistência, tem os mesmos direitos dos cidadãos do país que visita.

Poderá solicitar gratuitamente esse cartão no centro distrital de segurança social do local em que reside (pode fazê-lo via email) ou numa loja do cidadão.

Para mais informações sobre outros locais onde pode solicitar o CESD, vantagens do mesmo, etc, consulte o site da Segurança Social.

Pode também recolher informações no site da comissão europeia: Cartão Europeu de Seguro de Doença

Mais vale prevenir…

6 COMENTÁRIOS

  1. Acresecento que, sem este cartão, até já houve quem se recussasse a prestar cuidados de saúde… A uma amiga minha, que viajou para a Grécia, recusaram prestar cuidados, com a desculpa que não se tratava de uma situação emergente e que nada lhes garantia que ela, depois de regressar para Portugal, pagasse a conta do hospital…

  2. Por acaso já tinha ouvido falar neste cartão mas nunca me apercebi da utilidade. Realmente é muito útil para a nossa segurança e saúde enquanto estrageiros. Não costumo ir muito para fora mas vou informar-me melhor.
    Obrigado

  3. Uma excelente post. Eu não sabia da existência deste cartão, mas para quem vai de férias para fora de Portugal é sem duvida uma mais valia. Acho que o vou pedir mais cedo possivel, porque nunca sabemos quando vamos precisar de nos ausentar do país.

  4. É um documento que assegura a prestação de cuidados de saúde quando beneficiários de um sistema de segurança social de um dos Estados da União Europeia, Espaço Económico Europeu ou Suíça se deslocam temporariamente neste espaço.

    Identifica o titular. É um modelo único, comum a todo o espaço da União Europeia, Espaço Económico Europeu e Suíça.

    O cartão não abrange as situações em que a pessoa segurada se desloca a outro Estado com o objectivo de receber tratamento médico por comprovada impossibilidade de tratamento em Portugal (falta de meios técnicos). Se é essa a situação, deve solicitar o formulário E112

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here