Como poupar na decoração da casa em 2024

Explore dicas para uma decoração acessível e cheia de estilo e transforme o seu espaço sem comprometer o orçamento.

Poupar na decoração da casa

Decorar a casa é uma forma de expressar o nosso estilo pessoal e criar um ambiente acolhedor e confortável. No entanto, com as tendências de decoração em constante mudança e o orçamento muitas vezes limitado, pode parecer um desafio decorar ou renovar sem gastar muito. Felizmente, existem várias estratégias eficazes para poupar na decoração da casa, permitindo que atualize o seu espaço em 2024 sem comprometer o orçamento. Aqui estão algumas dicas para ajudá-lo a alcançar a casa dos seus sonhos de maneira económica.

1. Comprar mobília de qualidade em lojas acessíveis

Num mundo onde a estética e a funcionalidade devem andar de mãos dadas, especialmente no que diz respeito à decoração de interiores, uma dica preciosa para 2024 é a busca por móveis de alta qualidade a preços competitivos. Enquanto trabalhamos para criar espaços que refletem o nosso estilo pessoal e atendem às nossas necessidades diárias, selecionar cuidadosamente onde adquirimos peças maiores, como sofás, mesas e camas, torna-se essencial. Lojas que oferecem produtos com um excelente equilíbrio entre qualidade e custo podem ser aliadas valiosas nesse processo. Esse tipo de lojas  proporcionam itens que duram muitos anos e de design atemporal, garantindo que o seu investimento embeleza a sua casa por muitos anos, sem necessidade de substituições frequentes.

2. Planear com antecedência

Um bom planeamento é essencial para evitar gastos desnecessários. Antes de começar, defina um orçamento claro e faça uma lista das mudanças que deseja realizar. Pesquise preços, compare opções e estabeleça prioridades para as suas compras. Isso vai ajudá-lo a evitar compras impulsivas que podem não se encaixar bem no seu espaço ou orçamento.

3. Bricolage (DIY)

Projetos  de bricolage podem ser uma maneira divertida e económica de adicionar elementos decorativos à sua casa. Desde pintar uma parede até criar as suas próprias peças de arte ou almofadas, há inúmeros tutoriais disponíveis online que podem orientá-lo em projetos DIY. Essa estratégia permite que personalize totalmente o seu espaço enquanto mantém os custos baixos.

4. Aproveite promoções e artigos em segunda mão

💡
Descubra as melhores oportunidades para poupar e ganhar dinheiro!
Clique aqui para saber mais.

Fique de olho em vendas, lojas de desconto e mercados em segunda mão. Muitas vezes, é possível encontrar peças únicas por uma fração do preço. Itens em segunda mão podem incluir desde móveis até acessórios decorativos que, com um pouco de criatividade, podem tornar-se destaques na sua decoração. Além disso, acompanhar promoções online e cupões de desconto pode ajudar a economizar em itens novos.

5. Opte por mudanças de baixo custo e alto impacto

Algumas mudanças simples podem ter um grande impacto na aparência de uma divisão sem custar muito. Trocar as capas de almofadas, adicionar novas cortinas ou mudar a iluminação são formas de atualizar um espaço sem grandes investimentos. Pintar uma parede de destaque ou aplicar adesivos de parede também pode transformar completamente um ambiente.

6. Cultive plantas

Decoração simples com plantas

As plantas são uma maneira acessível de adicionar vida e cor a qualquer espaço. Além dos seus benefícios estéticos, melhoram a qualidade do ar e podem contribuir para o bem-estar geral. Escolha plantas que se adaptem bem ao ambiente interno e que requerem cuidados que está disposto a fornecer.

7. Seja paciente

Uma das melhores dicas para poupar na decoração da casa é ser paciente. A decoração não precisa de ser feita de uma só vez. Construir o seu espaço ideal pode levar tempo, permitindo que espalhe os gastos e faça escolhas mais consideradas.

8. Defina um tema ou estilo coerente

Manter um tema ou estilo coerente em toda a casa não só cria uma sensação de unidade e fluidez, mas também pode ajudar a poupar dinheiro. Quando tem um foco claro, é menos provável que faça compras impulsivas que não se encaixam bem no conjunto. Isso evita gastos desnecessários em itens que, embora possam parecer atraentes na loja, não harmonizam com o estilo da sua casa.

9. Use tecidos para mudar a sua casa

Almofadas e mantas no sofá

Tecidos são uma maneira económica de adicionar cor, textura e personalidade a um espaço. Cortinas, tapetes, mantas e capas de almofada podem ser trocados conforme a estação ou o seu humor, permitindo uma transformação rápida e acessível dos ambientes. Procure em lojas de tecidos por retalhos ou promoções para criar as suas próprias peças únicas a um custo baixo.

10. Iluminação estratégica

A iluminação tem um papel crucial na criação de ambientes acolhedores e bem decorados. Uma boa dica é investir em candeeiros em segunda mão ou em promoção e equipá-los com lâmpadas LED de alta eficiência. Além de economizar na compra, as lâmpadas LED reduzem o consumo de energia, gerando economia na conta de luz. Experimente com diferentes fontes de luz para criar áreas de destaque e sombras interessantes no ambiente.

11. Arte acessível

Adicionar arte às suas paredes é uma forma de personalizar a sua casa, mas nem sempre é necessário investir em peças caras. Considere criar a sua própria arte, procurar em mercados de arte local ou até mesmo em lojas de segunda mão. Outra opção é imprimir obras de arte de domínio público ou imagens de alta qualidade disponíveis online, colocando-as em molduras acessíveis ou mesmo reutilizadas.

12. Personalize objetos comuns

Dê uma nova vida a objetos comuns com um pouco de criatividade. Garrafas de vidro podem-se tornar vasos charmosos, enquanto latas podem ser pintadas e transformadas em porta-objetos estilosos. Essas pequenas personalizações não só economizam dinheiro, mas também dão ao seu espaço um toque pessoal e único.

13. Compras compartilhadas

Se tem amigos ou familiares  interessados em renovar a decoração, considerem fazer compras compartilhadas. Isso pode ser especialmente útil para comprar materiais de projetos DIY em maior quantidade, dividindo os custos, ou até mesmo compartilhar ferramentas e equipamentos de decoração que são usados esporadicamente.

14. Venda o que não precisa

Uma forma de financiar a nova decoração é vender itens que já não são necessários ou que não se encaixam no novo estilo da casa. Utilize plataformas online de vendas ou vendas de garagem para desfazer-se desses itens. Esse dinheiro extra pode ser reinvestido em novas peças de decoração, ajudando a renovar sem afetar tanto o orçamento.

15. Reaproveite e renove

Antes de comprar itens novos, veja o que já tem que pode ser renovado ou reutilizado de uma maneira nova. Móveis antigos podem ganhar uma nova vida com uma simples camada de tinta ou novos puxadores. Itens como caixotes de madeira podem ser transformados em estantes ou mesas de centro únicas. Essa abordagem não só economiza dinheiro, como também adiciona um toque de personalidade e singularidade à sua decoração.


Decorar a sua casa de forma económica em 2024 é totalmente possível com um pouco de criatividade, planeamento e paciência. Reaproveitar itens existentes, embarcar em projetos DIY, aproveitar vendas e fazer mudanças estratégicas são todas maneiras eficazes de transformar o seu espaço sem esvaziar a sua carteira e aproveitar o dinheiro para viajar. Lembre-se de que a decoração da casa é uma expressão da sua personalidade e estilo de vida, e não do quanto gasta.


Receba alertas de amostras grátis, dicas de poupança e outras oportunidades incríveis diretamente no seu email:


Veja também:


Messenger Poupa e Ganha
Deixe um comentário

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *