Fui Vítima de Fraude com o Cartão de Crédito!

Fui roubado! Utilizaram o meu cartão de crédito para fazerem compras na internet! Saiba mais sobre esta triste situação em que me vi envolvido...
esconder-teclado

Quando utilizamos o cartão de crédito na internet, por mais seguro que o site afirme ser, tornamos-nos vulneráveis às fraudes.

Eu tive na minha posse um cartão de crédito durante cerca de 10 anos e por estar devidamente informado dos riscos da sua utilização, sempre o mantive religiosamente guardado num local seguro em casa. Nunca o utilizei para rigorosamente nada em que tivesse de o apresentar fisicamente.

Mas na internet, aí sim, já o utilizei algumas vezes mas sempre em sites de extrema confiança que me garantam segurança na transação. Mas mesmo assim…

No passado dia 24 de Agosto de 2010 fui contactado por volta das 8h30 da manhã pelo Departamento de Segurança e Combate a Fraudes da Caixa Geral de Depósitos a alertarem-me que o meu cartão de crédito tinha sido utilizado minutos antes, em duas transações online que aparentavam ser suspeitas. Depois de confirmarem que esses movimentos não eram da minha autoria, imediatamente cancelaram o meu cartão de crédito.

O montante total em causa não ultrapassou os 130€, tendo sido gasto pelo burlão num site denominado Neteller e no famoso Skype. Fiquei pasmado e até assustado! Eu nunca tinha utilizado o cartão de crédito nesses dois sites!

Mas de onde teria o burlão extraído o número do cartão e o respectivo CVV (“Card Verification Value code”, aqueles dígitos inscritos na parte de trás do cartão)?!? Os sites onde habitualmente utilizo o cartão de crédito são: Ryanair, Paypal, Google… não me recordo de alguma vez o ter utilizado noutros sites.

A conduta da CGD foi admirável! Foram muito rápidos a alertarem-me do ocorrido e informaram-me de imediato os procedimentos a seguir – apresentar queixa na GNR ou PSP e dirigir-me à agência da CGD.

Para já, tenho um ponto negativo a apontar – o facto de ter sido necessário esperar que o valor saísse no extrato (o que demorou cerca de uma semana) para que eu pudesse identificar as operações fraudulentas para a agência avançar com a notificação para a VISA Internacional.

Segundo o meu gestor de conta, o montante será supostamente reembolsado na integra (não sei é quando), mas entretanto irá sair da minha conta à ordem, o que também acho incorreto.

Apenas para terminar… Acho que sempre tive imensos cuidados no que se refere a segurança informática. Mas, como se costuma dizer, “casa roubada trancas à porta”!

Portanto, se eu alguma vez necessitar de utilizar um número de cartão de crédito na internet, MBNet será a solução.

Fica o meu testemunho de uma situação menos feliz, mas que me serviu de lição.

Atualização: a situação ficou resolvida da melhor forma! O montante em causa não foi debitado da minha conta à ordem. 🙂

Subscreva a nossa newsletter para ficar sempre a par das novidades e receber alertas de novas amostras grátis e outras oportunidades para poupar e ganhar dinheiro… diretamente no seu email!

Talvez lhe interesse:

56 respostas

  1. Para constar e ainda ficarmos com mais duvidas aqui vai mais um caso. Ao consultar o meu extrato do cartão de crédito da Caixa Geral Depósitos, emitido no dia 18/02/2016, verifiquei que constava um pagamento de 101,90€, com o seguinte descritivo ” 2016-02-06 NETELLER LONDON GB”, acrescido da “COMISSÃO CASH ADVANCE EM TPA”. Como trabalhador bancário que fui, estou consciente dos perigos que corremos e como tal, nunca forneci os dados do meu cartão de crédito. Quando faço compras na internet utilize o cartão temporário “MB Net”. Ora, o último que criei foi a 19/11/2015 e tinha validade até 12/15., e a burla foi efectuada este mês. Já apresentei reclamação na minha Agência, no dia 24/02/2016. E agora o que é terá acontecido!? O MB Net, já estava caducado e o dados do cartão original nunca foram fornecidos via Internet.

  2. também eu só utilizo MBnet e fui burlada com vários movimentos que não foram efectuados por mim. Já fiz queixa, vamos ver como se resolve, mas para mi o MBnet também não é seguro. Não sei o que será.

    1. Olá Susana, como está a sua situação? Descobri hoje alguns cartões mbnet que não criei quando fui consultar os meus cartões! Fui comparar as datas ao meu banco online e de facto aquelas quantias foram creditadas! Ainda que pequenas, isto é fraude e assustador. Segunda-feira pretendo ir logo à CGD resolver isto.

  3. Eu também fui burlado via MBnet no dia 30 de Julho (e por acaso, fiz login 10 min dp de criarem e até pensei que tivesse sido eu e cancelei o cartao). Mas há cerca de 4 dias não tive a mesma sorte e conseguiram criar um cartão e efectuarem um pagamento.

    O problema está no sistema do MBnet que não possui verificação por 2 passos. É urgente a implementação de uma confirmação de pagamento ou criação de cartão via código enviado para telemóvel.

    Depois de comentar com amigos especialistas em segurança e, depois de pôr de parte as hipoteses de o meu mac ter sido monitorizado ou gravado, chegou-se a conclusão que alguém obteve os dados necessários dorectamente da MBnet onde Login e passwords dvem estar guardados no mesmo servidor e com a mesma encriptação.

    Isso confirma-se ainda mais agora que encontrei masi 4 ou 5 pessoas que foram vitimas via o mesmo método MBnet.

    Já cancelei tudo. A partir de agora, somente Paypal ou o cartão de crédito puro e duro (com aprovação via SMS).

  4. Ola boa noite infelismente tbem fui burlado compro ha um ano no pay pal e este mes deparei me com 3 pagamentos um 295 , 96, 0,95 que nao fui eu , o ultimo pagamento foi de 13 euros no fim de semana tiraram me as 3 quantias referidas pergunto visto que e o cartao de credito eu e que vou pagar e nao rendo sido eu ? Fui ha gnr apresentar uma queixa e ao banco santander

  5. Roubaram me o cc e usaram em mais de 6000 euros. O Barclays não quer assumir esta situação porque, estupidamente, eu referi que o meu PIN era igual ao meu PIN para desbloquear o meu telemóvel e o cartão foi roubado por um burlão com quem contatei ha uma massa atrás. O barclaycard agarrou essa minha afirmação do PIN e nao larga por nada dizendo que sou culpado pq nao segui as medidas de segurança do utilizador de cartão de crédito. Eu insisto em que, se o utilizador falha, as entidades que aceitaram os pagamentos de uma pessoa diferente do titular do cartão, também falharam pq não verificaram a identidade do portador do cartão. Andamos em braço de ferro ha meses e o débito continua no extrato e todos os dias me ligam a pedir o dinheiro. Tenho papeis da policia, sei os locais onde foram feitos os pagamentos. Isto aconteceu na Indonsia. Já fiz queixa ao banco de Portugal mas não responderam ha meses
    ….
    Alguém pode sugerir um local para fazer queixa/ter apoio para a resolução deste caso.?

  6. Eu fui vitima ontem mas ao que parece por clonagem fiz pagamento de gasoleo por multibanco na bomba _ _ pelas 16h42 na quinta ……. e as 16h50 fiz 3 saques na rua do ouro ……. fui ao banco estou aguarda resposta …… quanso houver uma decisão explicarei melhor..
    ….so nao entendo porque tenho de ser eu a fazer queixa na polícia …….. nao devia ser automaticamente apos queixa no banco ?????!!!!!

  7. Boa tarde
    Fiz uma compra no Ebay com cartão de crédito há cerca de dois dias,voltei a fazer mais uma compra e automáticamente foi-me logo descontado no cartão de crédito,sem que eu introduzisse o o nº do cartão e o digitos de segurança Na compra anterior perguntaram se eu queria registar os dados do cartão,e desse que não . Isto é normal? desde já o meuobrigado a quem me facultar informação

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.