esferovite

O destino das cuvetes de esferovite em que alguns alimentos vêm embalados (a carne principalmente) é normalmente o caixote do lixo.

Será este o fim de vida útil destas embalagens?

Após desembalar os alimentos, lave e seque muito bem a cuvete. Caso se trate de uma embalagem de carne, deve garantir que remove todo o sangue para evitar mau odor e a presença de bactérias depois de secar.

Depois, dê asas à imaginação e mais utilidade a essas embalagens. Seguem algumas ideias:

  1. Utilize essas embalagens como pratos de piquenique.
  2. Faça umas palmilhas confortáveis – corte duas embalagens à medida das solas e coloque-as no interior dos sapatos.
  3. Utilize-as como paletas de pintura.
  4. Poupe na compra de envelopes almofadados – se precisar de enviar fotos, CDs, DVDs e outros objectos pelo correio, corte duas embalagens à medida do envelope, coloque o objecto entre as duas placas de esferovite e insira no envelope.
  5. Utilize-as como bandeja para temperar carnes e peixes.
  6. Divirta-se a fazer aviões, barcos, etc., juntamente com o seu filho – recorte, cole, pinte, dê novas formas a essas embalagens.

Com alguma criatividade, muito mais poderá ser feito com essas cuvetes!

Se tiver alguma sugestão de como reutilizar essas embalagens, partilhe-a nos comentários. 😉

Quer conhecer mais utilizações alternativas para coisas do dia-a-dia? Veja aqui: Utilizações Alternativas

Se gostou do que leu, partilhe com os seus amigos...

8 COMENTÁRIOS

  1. OI…Em primeiro lugar PARABENS pelos temas aqui expostos…
    Eu também tenho por hábito guardar as cuvetes de esferovite e utilizo-as para servirem de base aos vegetais na gaveta do frigorífico…ou para separar a carne e peixe por diversas refeiçoes e congelar…ou para servir de base aos detergentes no balcão da cozinha.

    BJ

  2. São óptimas bandejas para pousar a chavena de café sem manbchar a mesa…. pode-se recortá-las com um x-acto, prendê-las com um fio e fazer um mobile, pintando as formar recortadas

  3. Olá.
    Eu “re-aproveitei” essas cuvetes utilizando-as para pôr os alhos, cebolas, folhas de louro, limões e algumas batatas em cima da bancada a cozinha(tenho uma mercearia no prédio em frente e só compro pouca quantidade de cada vez. (Existem coisas que são mais baratas que no continente.)) e reaproveito também aquelas cuvetes de plástico que vem com a massa folhada que compro. Estas utilizo para congelar os pastéis e rissóis caseiros para que fiquem direitinhos…
    .-= Venha ler o meu último post ..Frio =-.

  4. Gostaria de comprar cuvetes em esferovite, em tamanho pequeno como as que encontramos nas grandes superfícies contendo carnes e outros tipos de alimentos. Já tentei vários espaços e não encontro á venda.
    Se houver alguem onde possa encontrar agradeço a informação. Estas pequenas cuvetes serviriam para embalar figos secos e noses que possuo no meu pequeno quintal e assim dar uma nova utilidade aos meus produtos.
    Obrigado pela informasção que me possam fazer chegar.

  5. Pela imagem vejo que esferovite em Portugal é isopor no Brasil, agora que aposentei busquei o que fazer com tanto isopor e aprendi com um pedreiro ou construtor (como queiram) a colocar gasolina em um vidro e ir colocando pedaços de isopor dentro, ele vai derretendo na hora que entra em contato com o líquido e depois voce pode usar para tampar frestas de azulejos, furos nos telhados, consertar casinha de cachorro ou fazer botões, pois o produto derretido depois de moldado e em contato com o ar vira pedra ou cimento. Com isso conserta-se muitas coisas no quintal, na casa e em tudo que queira, porem só coloque gasolina até a METADE do vidro e trabalhe ao ar livre por causa do cheiro do combustivel .

  6. eu guardo autenticas geleiras, que servem para transportar medicamentos para a farmácia do hospital onde trabalho, utilizo-as para fazer de floreiras, para transportar congelados do supermercado e uma amiga faz delas
    estantes para livros

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here