smartphone-androidSe teve a infelicidade de deixar cair o seu telemóvel dentro de água, não desespere! Antes de lhe declarar o óbito, pode tentar alguns truques para o salvar.

Para começar, e o mais óbvio, assim que der conta do “acidente” retire imediatamente o telemóvel da água.

E por mais ansioso que esteja por descobrir se a água realmente matou o seu telemóvel, não o tente ligar! Isso poderia provocar um curto-circuito!

Remova imediatamente a bateria e o cartão SIM do telemóvel. O cartão SIM muito provavelmente estará intacto, portanto, apenas terá de o secar com um pano.

Remova o máximo de humidade que conseguir secando o telemóvel e a bateria com um pano ou guardanapo.

Não tente secar o telemóvel com um secador de cabelo! O ar quente poderia danificar os componentes do telemóvel.
Nem tente usar o secador de cabelo no modo de ar frio, pois dessa forma ajudaria a humidade a entranhar-se mais no telemóvel.

Tenha paciência e permita que tanto o telemóvel como a bateria (os dois sempre separados) sequem durante pelo menos 2 dias num local ventilado.

ACELERANDO A SECAGEM

Coloque o telemóvel e a bateria fechados dentro de um saco ou caixa de arroz cru. Se tiver à mão, obterá ainda melhores resultados com sílica gelPara acelerar a secagem e garantir que a humidade é removida do telemóvel, pode experimentar outros truques… por exemplo:

  • Deixe o telemóvel pousado em cima de um equipamento que liberte calor muito lentamente, como por exemplo, um televisor ou monitor CRT. Não faça isto com a bateria, pois pode explodir!

Depois de garantir que o telemóvel está bem seco, já poderá colocar a bateria e tentar ligá-lo.

Se o telemóvel se recusar a ligar, tente usar outra bateria… pode ser que apenas a bateria se tenha danificado e assim, pelo menos o prejuízo será menor.

Se não conseguir de nenhuma forma salvar o seu telemóvel, então não sei que lhe diga! 😛
Avizinham-se despesas!!! 🙁

Conhece algum truque ou técnica que não tenha sido aqui mencionada? Se sim, por favor partilhe os seus conhecimentos nos comentários.

21 COMENTÁRIOS

  1. Por acaso já tinha ouvido falar dessa técnica mas nunca testei porque ainda não tive um azar desses e espero não vir a ter. Já agora parabéns pelo excelente site.

  2. aposto que quase td a gente usa o secador de cabelo 😉
    ja assisti a varias tentativas de salvamento falhadas…

    infelizmente para estragar o telemovel nao e preciso deixa lo cair na aqua, basta leva lo consigo quando toma banho…o vapor entranha se e com o tempo acaba por estragar tambem 🙁

  3. Em épocas de Inverno é frequente, quem tiver, ligar um desumidificador para retirar humidade das paredes. Se por acaso molharam o telemóvel nesta época recomendo colocar o telemóvel a secar em cima deste aparelho.

    Serve apenas para diminuir o tempo de secagem ao ar livre… 😀

  4. O melhor mesmo é retirá-lo de dentro da água o mais rapidamente possível e retirar-lhe imediatamente a bateria, e já agora o cartão sim,que poderá ser limpo e colocado noutro telemóvel que tenhamos.
    Depois com papel absorvente, (papel de cozinha ou até papel higiénico) retirar-lhe tanta água quanto possível.

    De seguida, arranjem um recipiente, onde o telemóvel caiba com bastante espaço à volta, enchem esse recipiente com arroz (obviamente cru) e enterram lá o telemóvel. O arroz irá absorver a humidade, e se tiverem sorte, passados 2 dias retiram o telemóvel e deverá estar bem seco. Apenas nessa altura o devem voltar a ligar.

    Esta técnica é melhor do que deixar o telemóvel a secar ao ar, pois quase de certeza irá promover a oxidação de contactos ou componentes no seu interior.

    É uma questão de sorte. Sei de quem fez assim e se safou, mas também sei de quem nem assim conseguiu reavivar o aparelho.

  5. Se usarem álcool, recomendo o isopropílico, que não contem agua.
    Recentemente, o meu iphone 4 foi para a máquina de lavar. Desliguei-o, sequei a humidade externa e meti-o em cima do meu pc que estava quente suficiente para evaporar alguma humidade. No dia seguinte, lembrei-me e meti-o num saco (dos Ikea, que serve para congelar alimentos, …) com bastante arroz (mais de metade de um pacote de 1 kg), e fechei-o, deixando-o 2 dias. Quando retirei, ainda tinha humidade por trás do visor. Visto que estava a ser demorado, fui à procura de sílica gel, então que a minha mulher lembrou-se da “areia para gatos”. Comprei no intermarché a tal “areia”. São umas “pedrinhas” semitransparentes feitas de sílica, no saco da tal “areia” tem de referir que é feita de sílica. Este material é mais rápido que o arroz na absorção da humidade.
    Espero ter ajudado.

  6. Já cai a uma piscina de água salgada com o telemovel no bolso.
    Passei-o por água e em desespero tirei a bateria e pu-lo a secar em cima de um desumificador.
    Nem acreditava mas 2 semanas depois funcionava e durou uns bons 3 anos 🙂

  7. =O eu levo o meu telemóvel sempre para a casa de banho quando vou tomar banho. Não fazia ideia que poderia fazer mal ao telemóvel. Já o tenho há uns três anos e fiz sempre isso e até hoje ainda continua impecável.

    • Catarina, eu na minha experiência já deixei cair um telemóvel na água, e deixando-o secar naturalmente e com um bocadinho de secador do cabelo ele voltou ao normal, mas também já me aconteceu fazer como tu e levá-lo para a casa de banho e passados uns meses ele deixou de funcionar…quando saiu da reparação o técnico disse que não tinha conserto pois já tinha muita humidade…

  8. Comigo já aconteceu por duas vezes, uma delas esteve 40 min. na agua sem dar por isso, o que fiz? Nada. O sol e o calor fizeram tudo por mim. Telemóvel em cima do tablie do carro de 3 a 4 horas e assunto resolvido. Devem estar a dizer, á e tal deve ser mentira ou telemóvel antigo, nenhuma das duas. Foi verdade é foi com dois topos de gama, Note 4 e HTC M9.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here