Quem tem vergonha de trazer as sobras do restaurante?

Poupe dinheiro em refeições! Quando vai a um restaurante, deixe a vergonha de lado e traga consigo a comida que sobrou.
comer

Quando vai almoçar ou jantar a um restaurante (algo a evitar) deve tentar pedir sempre a quantidade de comida adequada ao seu apetite.

Há quem diga que mais vale mais do que menos… sim, mas desde que não sobre! 😛

Chegar ao fim da refeição e abandonar o restaurante deixando a travessa meia cheia, é um desperdício de comida e de dinheiro!

Caso isso aconteça, tente pôr a vergonha de lado e solicite ao empregado que lhe embrulhe a comida que restou para levar consigo.

Não conheço até à data nenhum restaurante que se tenha negado a fazer isso. No máximo, acrescentam-lhe o valor da embalagem à fatura.

Poderá aquecer essa comida mais tarde em sua casa, e dependendo da quantidade, poderá fazer uma refeição completa ou acrescentar alguns ingredientes.

E os pacotinhos de ketchup, mostarda, etc que não chegou sequer a abrir? Também os deixa para trás?

Os pacotinhos abandonados

Pacotes de Ketchup

De vez em quando lá calha ir a um restaurante fastfood, McDonalds, Burger King, KFC e outros do mesmo género.

Adoro quando peço aqueles pacotinhos de molhos (ketchup, mostarda, maionese, azeite, vinagre, etc.) e colocam uma mão cheia deles no tabuleiro, normalmente mais do que os que vou consumir.

O destino dos pacotinhos que sobram é sempre o meu frigorífico… sim, não tenho vergonha nenhuma de trazer essas pequenas embalagens de molhos para casa para depois usar!

Mas penso que nem toda a gente aproveita estas ofertas! Basta olhar em redor para os tabuleiros abandonados para ver esses pacotinhos ali discriminados.

Mas porque é que não os trazem? Por vergonha? Porque simplesmente não se lembram? Sei lá…

Outros itens que não ficam abandonados no tabuleiro quando sobram, são os guardanapos de papel. Afinal, não acredito que esses restaurantes os pretendam reutilizar!

E você? Abandona esses molhos e guardanapos à mercê do caixote do lixo mais próximo?

Quem tem vergonha… gasta mais… 😀


Subscreva a nossa newsletter para ficar sempre a par das novidades e receber alertas de novas amostras grátis e outras oportunidades para poupar e ganhar dinheiro… diretamente no seu email!

Não encontrou a informação que procurava? Faça uma pesquisa aqui:

Talvez lhe interesse:

70 respostas

  1. Eu para alem disso trago as saquetas de açucar qd nao as utilizo. uso só uma na meia de leite. a outra vai para a mala. as toalhitas de limpeza se sobrarem tb veem sempre comigo dao sempre jeito na mala 😉

  2. Sim Miguel, costumo abandonar tanto os molhos (que por vezes eles oferecem de livre vontade) como os guardanapos. Talvez por distracção. Mas também é de referir que não sou propriamente uma adepta desses molhos portanto não estou tão motivada para os trazer para casa. Agora os pacotinhos de açúcar e as toalhitas, como referiu a nelia, vão sempre para a malinha.
    .-= Venha ler o meu último post ..Rainforest Murça 2009 =-.

  3. Eu que pensava que me iam condenar por isto e vocês fazem o mesmo ou mais ainda. 😀
    Realmente nem me lembrei, mas também trago as saquetas de açucar, de sal, de pimenta…

  4. Os molhos (mostarda, maionese, ketchup) nem quero porque não posso comer disso, mas o azeite, o sal, vinagre aproveito tudo! Ainda não me tinha occorrido trazer os guardanapos….. desgovernada! 😉 Os pacotes de açucar tb vão direitinhos para a mala… os meus e de quem estiver comigo e não queira 🙂

  5. Eu não só os levo para casa, como às vezes até peço + 1 XD
    Os pacotes de açúcar também vão sempre… 😀 EU não gosto de café com açúcar, ou seja, cada vez que tomo café, lá ficaria o pacotinho…. Por isso levo SEMPRE para casa, onde tenho uma especie de caixinha onde guardo para as visitas 🙂
    Os guardanapos quando sobram limpos, também levo pa casa… mas no mcdonals, com tantos molhos, pelo menos comigo, é raro se salvar algum… hahahah

  6. Eu trago! Embora, tenho de confessar, a maior parte das vezes acabe por não os utilizar, por não consumir esse tipo de produtos em casa.

  7. Quando tomo café só gasto meio pacote de açucar, o resto trago pra casa e vou juntando num frasquinho! 😛 Grão a grão enche a galinha o papo!!! :P:P

  8. eu tb trago sempre. Comigo é mais os pacotes de açucar uma fase iamos com mus sogros todos os domingos tomar peq almoço ao café dava para trazer 3 ou 4 pacotes!!!
    depois junto tudo e dá para poupar algum dinheiro

  9. Há dois dias comecei tb a trazer o resto do pacote de açucar que vem com o cafezito…. como uso menos de metade ainda fica muito no pacote e habitualmente deixava ficar junto ao pires por não querer açucar derramado na mala. Passei a ter sempre aquelas molinhas pequeninas (aquelas miniaturas das molas da roupa) dentro de um bolso da mala e depois e só prender o resto do pacotinho com elas! Qdo chego a casa é so deitar no frasco do açucar.

  10. Eu trago tudo na malinha que não uso: os molhos, os açucares, as vezes os biscoitos e os paus de canela do café 🙂
    Já tenho aqui em casa uns frasquinhos com colecções dos pacotinhos de açúcar. A gente paga tudo, porque deixar? Não há que ter vergonha 🙂

  11. Ainda na sexta feira fui ao IKEA e acabei por jantar lá. Como sobraram bastantes pacotinhos de maionese e ketchup, meti-os no saco e trouxe-os para casa. Já que pagamos, temos direito a eles 😛

  12. “Vergonha é roubar e não poder carregar” 😉
    Eu trago sempre o que sobra e não tenho vergonha nenhuma nisso!
    🙂
    .-= Venha ler o meu último post ..Creme de Pescada e Couve-Flor =-.

  13. Eu também trago sempre esses pacotes de molhos, e normalmente trago também os pacotinhos de acúcar pois como não bebo nem café, nem chá com acúcar trago sempre, assim normalmente nem compro acúcar cá para casa… A minha mãe costuma dizer que para casa até pedras se carregam.. Há que poupar nestes tempos que atravessamos…

  14. Olá Sr Miguel,
    Comprei, hoje, o seu livro. Ainda não o li todo, mas estou a adorar.
    E eu que pensava que era a única que trazia para casa o ketchup do Mc Donald’s! Até o maridinho já diz: “esposa, toma os molhos para guardares!”…
    Fico contente por não ser a única.
    Parabéns pelo livro.
    .-= Venha ler o meu último post ..POUPAR É GANHAR! =-.

  15. Não tenho vergonha nenhuma, a comida é nossa vamos pagá-la, portanto faze-mos o que bem entendemos com ela! Nem sequer dou a desculpa do cãozinho!!!
    Beijinhos!
    .-= Venha ler o meu último post ..Procuro! =-.

  16. Não pude deixar de me rir com este post ao relembrar a conversa entre mim e o empregado de um restaurante, já há alguns anos, quando lhe pedi que embrulhasse o remanescente da minha refeição: “É para o cão?”, perguntou ele. “Não, é para mim, mesmo”. Acho que nunca vi ninguém ficar tão vermelho tão rapidamente… 🙂
    .-= Venha ler o meu último post ..Talco Líquido Refrescante para os Pés =-.

  17. Curioso este post, uma vez que li há uns tempos que em locais de Itália e Estados Unidos, os próprios empregados dos restaurantes, quando sobra comida na travessa, colocam num recipiente e na altura de entregar a contam entregam o que sobrou da comida e isso já é muito usado e eu acho muitíssimo bem. Em Portugal as pessoas têm vergonha de tanta coisa e não têm mais dinheiro no bolso mesmo pela vergonha! Boa dica e parabéns pelo blog!
    .-= Venha ler o meu último post ..Bolinhos da Olinda =-.

  18. Essa do “É para o cão?”… 😀 … está demais!

    Realmente, se é assim nos Estados Unidos, fazia todo o sentido cá em Portugal.

    Se os proprietários de todos os restaurantes tomassem essa iniciativa, para além de nos fazerem poupar, ainda nos provavam que a comida que resta na travessa não é, em caso algum, colocada no prato do próximo cliente!

  19. Quem nao poupa nao tem!!! Ca no Canada os empregados de mesa muitas vezes perguntam-nos se queremos levar para casa o que resta , ,Os restaurantes ate acabam por ganhar com isso porque os clientes se forem bem servidos acabam por voltar.

    1. e sempre bom e agradavel ouvir comentarios de pessoas sensatas e inteligentes…. eu que conheço quase todo o mundo imagine o que ja vi e conheci….. uma das vantagens da net e podermos dar ideias e divulgar as nossas opinioes …….felicidades…joao fernando de lx…

  20. Dependendo do tipo de prato que pedi, trago as sobras para mim, para a minha cadela ou para os gatos da rua. Este Verão fui a um italiano bem conhecido e, como sempre, pedi massa. Além de não estar nada de jeito, quando pedi para trazer o que tinha sobrado, a resposta da empregada foi: “Lamento mas não é possível, para isso tínhamos de ter serviço take-away”. Depois de um momento de estupefacção, olhei para a menina e disse-lhe para dizer ao gerente que eu queria levar o que tinha sobrado para casa. Lá vieram com o resto da massa com camarão dentro… de uma caixa de cartão de pizza! Pelo menos os gatos nessa noite jantaram um prato diferente. O meu namorado, depois de muito reclamar e ficar envergonhado no início por eu trazer as sobras, independentemente das estrelas (ou garfos) do restaurante, já se habituou à ideia e agora é ele que pergunta se não levo o resto 🙂

  21. Eu diria quem tem vergonha come tudo, que é o meu caso, acho que nunca deixo sobras na travessa / prato, eu jamais conseguiria ir a um restaurante e pedir para me embalarem as sobras.

    Contudo acho muito bem a iniciativa que dizem já existir em países como EUA, Itália e Canadá, com isso eu já trazia a comida para casa :).
    .-= Venha ler o meu último post ..Parsing de IP utilizando PHP+REGEX =-.

  22. Não tenho por habito pedir as sobras porque geralmente nunca sobra o principal(a carne) e só sobra arroz ou um pouquinho de batata portanto não compensa pedir mas conheço pessoas que tem coa e pedem os ossos, assim já não gastam ração 😀

  23. Fazemos isso também. É prático e sempre que precisamos temos um pacotinho de açúcar ou até mesmo de sal. Eles jogariam fora, pois acabam se misturando com a comida, empilham as bandeijas e já era.
    Guardanapos idem. E uma maneira de não disperdiçar.
    .-= Venha ler o meu último post ..Apimente sua refeição =-.

  24. Eu já uso esse meto há muito, porque vergonha não tenho…e quando nos restaurantes me dão por reposta que não têm taparueres porque não existe serviço de take-away…tiro da minha mala um saco de plástico e eu mesma recolho as sobras para o meu cão e gatos.
    Infelizmente portugal ainda vê com muitos maus olhos o levar os restos.

  25. Se sobrar bastante, peço sempre para trazer o resto embora. Há restaurantes onde há muito desperdicio de comida, e ás vezes a comida que é para 2 pessoas, dava para comerem 4. Nesses casos peço sempre para trazer, mas noto que em alguns restaurantes parece que não gostam que façamos isso.

  26. Cada vez mais temos que perder essas vergonhas, vergonha seria roubar ou se estivéssemos a levar aquilo que não pagámos. Se a comida está boa, sobrou, ainda dá para mais uma refeição, aproveita-se. Parte-me o coração deitar comida fora, quando sei que podia matar a fome a muita gente. Os restaurantes já devem deitar fora tanta comida, vamos mas é aproveitar até à ultima aquilo que pagamos.

  27. Eu faço isso!!
    Ate com as sobras dos pacotinhos de café quando o tomo.
    E melhor melhor é quando bebo chá colocam 2 pacotes de açucar e eu uso sempre so um. O outro vem comigo!!
    No poupar é que está o ganho 🙂

  28. Os guardanapos que não estão usados faço questão de os trazer para casa, os molhos muitas vezes eles já perguntam se os queremos também para não terem desperdícios, quando os colocam no tabuleiro trago-os, e depois os de ketchup uso-os num refogado, em vez de usar polpa de tomate. Fica muito bom.

  29. E em termos de legislação em Portugal, alguém sabe como isso funciona? Ainda ontem fomos a um Japonês e erámos cerca de 15 pessoas. Sobrou comida, obviamente, pois houve pessoas que não gostaram de Sushi. Pedimos ao empregado para levar o resto da comida e ele disse que não poderíamos fazer porque senão o chefe dele matava-o. Lol, não conseguimos contra-argumentar pois não tinhamos noção se há alguma lei que proiba ou não essa ocorrência. Alguém me pode ajudar?
    Obrigada!

  30. Também faço isso!! E quando se vai a ver ja se tem uma quantidade que dá para temperar uma comidinha boa! E o açucar nos cafés? Não uso o pacote todo, ponho na mala, o por é quando fica esquecido e entorna e fica tudo cheio de açucar…. bahhh

  31. Trago tudo. Não uso açucar em casa e estes são os que dou a quem me pede açucar para o café, por ex.
    Há anos que não compro mostarda para casa 🙂

  32. Para acrescentar o que já várias pessoas comentaram, em relação às sobras de comida no restaurante, atitude que eu já à bastante tempo tenho sem problemas absolutamente nenhuns, tenho a acrescentar que também aplico à bebida. Já aconteceu pedir uma garrafa de vinho de 7,5 dl para mim e uma amiga, e por alguma razão, não a bebemos toda, restando assim bastante vinho na garrafa. Sem vergonha nenhuma, uma vez que já está paga, eu levo a garrafa para casa. Vergonha é roubar.

  33. Trago tudo, e os pacotes de açúcar do café também. Já paguei tudo, por isso trago. Já fiz um bolo com o açúcar do café.

  34. Ás vezes poupar nos € é gastar na saúde. Estes pacotinhos estão cheios de veneno! Não traga e não use. Assim poupa nos € e poupa a saúde também, que é muito mais importante que o dinheiro.

  35. se está incluído pk n trazer?eu trago sempre!só utilizo meio pacote de açúcar no café, a outra metade vem comigo 🙂

  36. Eu não uso açúcar no café, por isso os pacotinhos vêm sempre comigo, uso-os para quando tenho visitas cá em casa, poupo em comprar nos supermercados as embalagens individuais

  37. Nada como polpa de tomate para os refogados!!! Deixem lá os pacotes de ketchup e seus primos maléficos, e passem pelas mercearias do bairro para economizar no legumes, frutas, etc…

  38. eu fui a um retaurante hj e me foi negado . agora fica minha dúvida, isso é direito de consumidor e o restaurante é obrigado ou não?

  39. Achei curioso a parte de até à data nenhum restaurante se ter negado a embalar a comida….
    Conheço um restaurante que além de não ter embalagens e muito menos a decência de aceder à este pedido do cliente o patrão critica e ainda ofende quem o pede… Negando categoricamente esse direito ao cliente…
    Esse dito local fica em mourão no afamado e reconhecido restaurante “adega velha”

  40. Boa noite…. ha varios anos que eu defendo este procedimento de nao estragar comida e nunca pedir mais do que lhe podera apetecer…durante anos cerca de13 comia quase sempre nas famosas GALERIAS RITZ.. local muito requintado nessa altutra…. vi dezenas de vezes clientes estrangeiros … pedirem pratos mas metade ia para o lixo……… que vergonha…….portanto sou um grande defensor da pratica de nao estragar nem esbanjar…. bom fim de semana ….joao fernando

  41. Boa tarde
    Hoje fui almoçar a um restaurante, onde vou ocasionalmente, e como sobrou um pouco de arroz, por hoje não ter muito apetite, e também haver ossos, lembrei-me de pedir um saquinho para levar a sobra para o cão. Qual o meu espanto quando me negam o saco por não terem e acrescentam que mesmo que tivessem também não me o podiam dar por haver câmaras… Bem, eu até disse à senhora que paguei a comida (restaurante tipo cantina, paga-se antes de comer) logo o que está no prato é meu e faço dele o que entender, não tive outro remédio que colocar os ossitos e o arroz no papel dos talheres, nesse instante percebi que o cozinheiro foi dar instruções à senhora que está a servir e ouvi ela identificar a minha mesa, calculo que seria para colocar menos comida da próxima vez… não sei… por acaso não era, mas até poderia ser o meu jantar, paguei era meu… há alguma lei que não me permita levar o resto do meu prato?

    1. Olá Isabel, muito obrigado pelo seu testemunho.
      Que situação desagradável! Não acredito que exista alguma lei que nos impeça de trazer connosco a comida que pagamos! Não faz sentido…

  42. Eu também trago sempre tudo que sobre no tabuleiro guardanapos, molhos, os pac de açúcar as vezes tb dão as palhinhas dos sumos a mais tb trago! O meu marido costuma me dizer que não deixo escapar nada! Se pagamos tudo, porquê lá ficar?

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Partilhe este artigo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Sugestão de leitura

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.