Como regatear preços

Regatear pode ajudá-lo a poupar dinheiro numa compra. Veja algumas dicas sobre como o fazer.
vendedor

O ato de regatear o preço de algo pode não ser uma prática muito bem vista em determinados países, mas em outras culturas não só é uma atitude corrente como é, inclusive, incentivada. Em zonas como o norte de África – países como Marrocos, Tunísia ou Egito -, a América do Sul ou nos bazares asiáticos, regatear faz parte do ato de comprar e de ir às compras.

No entanto, nem sempre é um processo fácil, podendo ser até intimidante. Além de não ser algo que fazemos normalmente, quando vamos ao supermercado ou à maioria das lojas, também é verdade que os vendedores têm mais experiência neste ato. Contudo, regatear pode trazer os seus benefícios a uma compra, conseguindo um melhor negócio para si. Portanto, eis 7 dicas a seguir em como regatear preços.

1. Faça o trabalho de casa

Procure informar-se quanto custa realmente o produto que deseja e quanto é que os outros vendedores pedem por ele. Se souber identificar outro local onde o mesmo objeto está à venda por um preço mais baixo, irá ter vantagem sobre o vendedor. Além disso, mesmo que não consiga regatear o preço, terá sempre uma segunda opção onde o encontrar a um valor mais barato.

2. Não sorria

Mantenha um ar sério, mas evite tons prepotentes, como se fosse superior ao vendedor, e especialmente condescendente, o que é extremamente irritante. Mantenha um tom cordial, mas não demasiado amigável. Demonstre confiança, como se soubesse exatamente o que está a fazer.

Seja humilde e, acima de tudo, respeitoso. Ao não faltar ao respeito ao vendedor, estará também a assegurar-se que ele o respeitará.

3. Não demonstre o quão deseja o produto

Mantenha um ar sério e tente evitar sinais de que deseja muito o produto em causa. O vendedor ao se aperceber que você pretende definitivamente comprar aquele objeto, saberá que não haverá necessidade de baixar o preço para o agradar. Ao regatear num tom sério, calmo e ponderado, estará a ganhar vantagem sob o vendedor, a eliminar teatros desnecessários e a agir com a maior naturalidade possível.

4. Utilize sempre a moeda local

Se está a viajar para um país que não utiliza dólares ou euros, tente fazer sempre as suas compras com a moeda local.

Muitas vezes, ao repararem que são turistas, os vendedores procuram fazer o negócio numa dessas moedas, por ser “mais fácil”. No entanto, com as taxas de câmbio sairá certamente a perder. Uma alternativa a isto é pagar com o cartão de crédito, caso seja possível.

5. Deixe o vendedor lançar o primeiro preço

Ao deixar que seja o vendedor a dar o primeiro preço ao produto que deseja, estará a permitir ter um valor de referência para negociar. Normalmente, o vendedor irá tentar o contrário, para ver se lança um preço mais alto que o de origem, o que lhe dará vantagem.

Além disso, se lançar um preço que agrada ao vendedor ele poderá terminar imediatamente as negociações e já não o poderá regatear.

6. Tenha paciência e seja silencioso

A paciência é a principal ferramenta durante um processo de regateio. O ato de regatear pode ser demorado e deve estar preparado para passar vinte ou trinta minutos a negociar um produtor.

No entanto, não procure vencer a discussão por cansaço, porque certamente o vendedor estará mais habituado a isso.

Além disso, ser silencioso também pode ser uma ferramenta vantajosa. Ao não dizer nada, obrigará o vendedor a acrescentar mais argumentos para evitar o silêncio incómodo, que podem levá-lo em contradições e tornar-se numa vantagem para si.

7. Finja que se vai embora

É o truque mais velho de todos na arte de regatear: o de fingir que se vai embora. Na maior parte das vezes chega uma altura em que parece que nenhuma das partes vai ceder. É aí que poderá lançar o “então deixe estar, eu vou a outra loja em que era mais barato“, argumento que, na maior parte das vezes, até é falso. O vendedor também sabe isso, mas porque não quer correr o risco, muitas vezes acaba por ceder quando o vê a afastar-se. Deve fazê-lo de forma segura e convincente.


Subscreva a nossa newsletter para ficar sempre a par das novidades e receber alertas de novas amostras grátis e outras oportunidades para poupar e ganhar dinheiro… diretamente no seu email!

Não encontrou a informação que procurava? Faça uma pesquisa aqui:

Talvez lhe interesse:

2 respostas

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Partilhe este artigo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Sugestão de leitura

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.