Lareira

Depois de utilizar o recuperador de calor, é natural que o vidro da porta fique bastante chamuscado.

Existem à venda produtos específicos para limpeza do vidro dos recuperadores de calor – são caros e por vezes demoram a actuar. Um vulgar spray limpa-fornos também pode ser utilizado para esse mesmo efeito.

Recuperador de calor
Não são necessários produtos de limpeza específicos para a limpeza do vidro do recuperador de calor. Poupe dinheiro com um simples truque…

Mas existe uma solução muito mais económica, rápida, eficaz e ecológica!

Basta esfregar o vidro com as cinzas da lenha. Para tal, amarrote uma folha de jornal e molhe-a com água, passe essa folha na cinza e esfregue-a no vidro. Repita se for necessário.

Para finalizar, esfregue novamente o vidro com folhas de jornal, desta vez apenas humedecidas em água (sem as cinzas).

O resultado é perfeito!

Já agora, quer conhecer uma forma de “fabricar” a sua própria lenha? Espreite aqui: Lenha gratuita e ilimitada para aquecer a sua casa

28 COMENTÁRIOS

  1. Olá Miguel,
    Conheces alguma maneira económica de limpar a chaminé, porque as empresas de limpeza de chaminés são muito caras. Eu comprei um produto para o efeito que limpa ao mesmo tempo que arde mas não sei se será muito ecológico.
    Obrigada

  2. Olá Carla, infelizmente não conheço qualquer método alternativo (e mais económico) para limpar a chaminé.
    Sinceramente, nunca limpei a chaminé do meu recuperador de calor! Como nunca tive qualquer problema que me obrigasse a tal… vou deixando “andar”. 😛
    Mas se descobrir alguma forma barata ou até gratuita de o fazer, divulgo imediatamente aqui no blog!
    Fica bem 😉

  3. Cinzas??? Não fazia a mínima ideia!!!!! Eu costumava limpar o vidro com o tira gorduras, e é muito eficaz, mas este não dura para sempre… Da próxima vez vou tentar com cinza! 🙂

  4. Já foi assim que a minha mãe me ensinou, resulta muito bem, é incrível, e a custo zero! Depois pode-se passar o limpa vidros para ficar brilhante.

  5. Mais ou menos. Eu tenho um e hoje experimentei. Sujei o chão todo, pois a cinza caiu e ainda por cima molhada e não limpou muito bem o vidro. A ajuda foi do forza

  6. Usei primeiro o limpa vidros aconselhado, resolveu 60% depois desesperei de tanto esfregar, vim aqui à net e muito céptico usei o joirnal, a água e as cinzas. Resultou na perfeição e foi rápido, já estávamos há 3 horas a tentar retirar a crosta. Estou freguês :)) Obrigado pela dica a quem de direito.

  7. Na limpeza do vidro do recuperador de calor não deverão ser usados produtos abrasivos. Estes vidros cerâmicos têm “uma camada” que os fazem resistente às altas temperaturas. Cada vez que usamos produtos abrasivos vamos desgastando esta “camada”. Em havendo um ponto mais desprotegido o vidro partirá/rachará por aí. Isto é pelo qual se devem usar produtos próprios para estes vidros. Produtos de limpeza dos fornos e a cinza são muito abrasivos e irão desgastar mais rapidamente a “camada” do vidro.

    Relativamente à limpeza de chaminé. Esses produtos que existem para limpar as chaminés são mais preventivos do que propriamente de limpeza. Ajudam, mas não resolvem na totalidade. Para quem não quer contratar os serviços de uma empresa que efetue este serviço poderão comprar em lojas da especialidade ou em lojas de brico, umas varas enrroscáveis umas nas outras e uma escova na ponta (nylon ou aço). A escova deverá ser do diâmetro do tubo que sai do recuperador e segue pela chaminé.

  8. Cinzas, jornal e seguindo o que o texto diz, funciona na perfeição, a custo zero e de forma ecológica. Experimentei hoje e resultou!

  9. Funciona muito bem….na verdade a natureza dá-nos sempre a solução certa para a resolução de tudo…..sinceramente na minha opinião limpar o vidro do recuperador com qualquer produto que contenha substancias quimicas só vai fragilizar o vidro, que já levou tratamento para aguentar o calor.

  10. Até hoje usava este método do papel de jornal molhado com cinzas, mas é moroso e sujo e quando estava hoje a começar a limpar o vidro lembrei-me de outra solução que acabou por se revelar mais eficiente e menos suja.
    Com uma lâmina de uma faca de cortar alcatifas inclinada a aproximadamente 45º e não perpendicular ao movimento do braço fiz o resto do trabalho em menos de 5 minutos. se a lâmina estiver nova não há risco de se riscar o vidro, espero que vos possa ajudar nesta entediante tarefa.

DEIXE UMA RESPOSTA

Please enter your comment!
Please enter your name here