Prédio com ar-condicionado

Eis uma sugestão muito útil principalmente para aquelas noites de maior calor!

Esta sugestão é da autoria de João Pedro Lampreia, um leitor deste blogue que decidiu partilhar o seu truque caseiro para tornar a casa mais fresca. Portanto já sabe, se não gostar da dica, é com ele que tem de se entender… 😛

Arrefecer a casa gratuitamente

Dentro de casa de noite está a suar com 30ºC, janelas abertas e fresco lá fora mas sem vento, mosquitos a zunir… Ahhh, quem me dera ter ar condicionado… 🙁

Tem uma ventoinha mas não lhe parece ser suficiente para arrefecer a casa. Até porque normalmente só se sente realmente fresco no local para onde a ventoinha está direcionada!

Solução: em vez de usar a ventoinha para apenas “criar vento”, experimente usá-la para expulsar o ar quente da sua casa.

Para tal, coloque a ventoinha numa janela aberta, voltada para a rua.

Assim de repente até parece que estamos a tentar arrefecer o ar do exterior, mas na realidade estamos a puxar o ar quente do interior da casa para fora.

Tente vedar ao máximo a entrada de ar por essa janela, ou seja, feche a persiana e encoste a janela. O objetivo aqui é que fique apenas a ventoinha a extrair o ar e que o mesmo não consiga entrar novamente pela mesma janela. A ventoinha deverá ser preferencialmente quadrada para ser mais fácil vedar a entrada de ar e maximizar a sucção.

Depois, abra outra janela da casa (preferencialmente da mesma divisão em que se encontra).

Deste modo a ventoinha não tem outro remédio senão ir buscar ar a essa janela, entrando o belo fresco.

Nota: todo o ar que sai obriga à entrada de ar novo, pelo que a persiana no topo e a janela lateralmente a vedar a circulação gerada pela ventoinha são cruciais: se tiver pouco vedado, a ventoinha não puxará tanto ar da outra janela, pois irá buscar o ar nas laterais fazendo um “loop” de ar. Assim irá se refrescar consumindo apenas uns 30 ou 40 watts!

Solução económica, tanto pela energia poupada, como pelo evitar da aquisição de um aparelho de ar condicionado!

Quem experimentar, deixe por favor aqui o seu testemunho! 😉

6 COMENTÁRIOS

  1. Esta não percebi! Seria possível explicar melhor o procedimento, ou fazer um desenho, pra quem é muito burra, como eu? 🙂

  2. Bem… hummm… eu copiei o texto tal como me foi enviado pelo João! (Não me batam) 🙂
    A mensagem pode estar confusa, mas está lá.

    Trocando por miúdos, o que o João sugere… é que utilizemos uma ventoinha, não para nos refrescar directamente, mas sim para expulsar o ar quente do interior da casa.

    Na teoria, faz sentido, uma vez que até é dessa forma que é feita a refrigeração dos nossos computadores… agora na prática, para ser eficaz teríamos de ter uma janela do lado oposto para permitir a circulação de ar que o João mencionou e a periferia da ventoinha teria de ficar totalmente vedada.

    Espero não ter complicado ainda mais… 😀

    • Ok, já entendi. A ideia é fazer da ventoinha uma “extractor” de ar quente. Fisicamente não sei se funcionará em pleno… Obrigada

  3. Meu amigo João, esta dica pode funcionar na sua casa, pois na minha isso não existe, afinal no verão não há ventoinha que resolva o problema.

DEIXE AQUI O SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.