Pequenas Dicas para Grandes Poupanças

Sonambulismo: o que deve fazer na presença de um sonâmbulo?

O sonambulismo é um distúrbio de sono que afeta 20% das crianças e também muitos adultos. Saiba o que deve fazer na presença de um sonâmbulo.
Share on facebook
Share on twitter
Share on linkedin
sonambulo

O sonambulismo é um distúrbio do sono que afeta cerca de 20% das crianças (a ocorrência nos adultos é 10 vezes menor), sendo mais comum no sexo masculino.

Durante os casos de sonambulismo, a pessoa pode andar, fazer atividades quotidianas normais como vestir-se ou comer e isso sem responder às pessoas à volta.

Os ataques de sonambulismo podem levar a situações bastante graves, sendo indispensável saber como é que deve reagir e o que fazer em caso de sonambulismo de um próximo.

1. Não acorde o sonâmbulo

Não é de todo recomendado acordar um sonâmbulo.

A pessoa – apesar de estar a andar e a movimentar-se – continua a dormir e se for acordada, isso irá provocar uma sensação de choque, provocando um estado de total desorientação. Em alguns casos, acordar um sonâmbulo pode até desencadear ataques de raiva.

Se uma pessoa próxima estiver a passar por uma situação de sonambulismo, é preferível que fique próximo da pessoa durante o tempo necessário, ou seja até ela ficar fora do estado de sonambulismo (ficar a dormir imobilizada ao máximo).

A pessoa pode estar sonâmbula durante um período de 30 segundos até uma hora e meia.

2. Acompanhe o sonâmbulo até à cama

Durante um episódio de sonambulismo, o ideal é, se for possível, incentivar a pessoa a voltar para a cama. Não fale muito com a pessoa (até porque ela está a dormir) mas acompanhe-a com calma e suavidade até à cama.

Se a pessoa se recusar a ir para a cama, não a obrigue ou force sob pena de a acordar.

Fique, nesse caso, ao lado dela até ela decidir, do seu próprio pé, voltar para a cama.

3. Proteja a pessoa sonâmbula

A pessoa que está a passar por um estado de sonambulismo está, por definição, inconsciente e adormecida, estando assim mais exposta aos perigos e a possíveis acidentes.

Se se der conta que alguém está a passar por um episódio de sonambulismo, faça com que a pessoa fique longe de todos os objetos ou situações nas quais pode aleijar-se ou magoar-se.

Da mesma forma, é importante assegurar-se que a pessoa não caia, especialmente se estiver perto de janelas, varandas ou escadas.

Se tiver uma pessoa em casa que é sonâmbula e que tem episódios mais ou menos recorrentes, seja ela criança ou adulto, é importante proteger portas, janelas e escadas durante a noite, para evitar acidentes.

4. Como impedir ou tratar o sonambulismo

Estudos médicos mostram que este distúrbio de sono tem origem em estados de stress ou tensões nervosas.

Uma forma de tentar evitar crises de sonambulismo, é limitando e minimizando o stress no quotidiano. Para isso, pode usar vários métodos:

  • fazer ioga ou desportos relaxantes,
  • praticar terapia ou exercícios de relaxamento,
  • adaptar a sua rotina de noite para uma noite de sono mais relaxada
  • deixar uma pequena luz acessa no quarto pode também ajudar a reduzir a frequência dos ataques de sonambulismo

Se não se sente particularmente stressado e se não encontrar nenhuma conexão que explique os seus ataques de sonambulismo, deve consultar um médico para uma análise mais aprofundada. Um médico poderá receitar benzodiazepinas ou inibidores seletivos da recaptação da serotonina (ISRS ou SSRI) para diminuir este distúrbio de sono.


Não perca nenhuma oportunidade!

Quer ficar sempre a par das nossas novidades, receber alertas de novas amostras grátis e outras oportunidades para poupar e ganhar dinheiro... diretamente no seu messenger?

Talvez lhe interesse:

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.