Idosa a dormir

À medida que vamos envelhecendo, sofremos com algumas alterações nos nossos hábitos de sono. É habitual que, com a idade, comecemos a acordar mais cedo e a aproveitar menos da fase profunda do sono.

As mudanças do sono com o avançar da idade são normais; no entanto, patologias e distúrbios de sono como fadiga constante, insónias ou ressonar regular não devem ser vistas como algo normal da idade.

O sono é tão importante para a saúde física e emocional de uma pessoa de 50 anos como para uma criança.

Seja qual for a sua idade, dormir bem é essencial!

Mais concentração e memória

O sono é algo essencial para as pessoas mais velhas, muito devido ao seu papel importante no que diz respeito ao melhoramento da concentração e à formação da memória.

Dormir bem ajuda a ter uma boa memória e a minimizar esquecimentos e lapsos temporais que podem advir da velhice.

Uma boa noite de sono ajuda a reparar danos celulares, sendo essencial dormir bem para se lembrar bem de tudo!

Melhora o sistema imunitário

O sono com o avançar da idade torna-se também uma componente essencial no que diz respeito ao sistema imunitário. Dormir bem ajuda a vitalizar o sistema imunitário, ajudando a prevenir possíveis doenças.

São vários os médicos e estudos que usam a qualidade e hábitos de sono para medir o estado de saúde dos pacientes. As pessoas com mais idade que não dormem bem, estão mais suscetíveis de:

  • ter maior sensibilidade à dor;
  • usar medicação para dormir;
  • sofrer de doenças cardiovasculares;
  • sofrer de diabetes;
  • aumentar de peso;
  • ter cancro da mama, no caso das mulheres.

A influência do avançar da idade no sono

Com o envelhecimento, o corpo acaba por produzir níveis inferiores de melatonina, o que significa que o sono com o avançar da idade é mais fragmentado.

Isto significa que as pessoas com mais idade têm ciclos de sono mais rápidos, podendo vir a acordar mais vezes durante a noite.

A vontade também de ir dormir mais tarde e de se levantar igualmente cedo é também habitual nas pessoas mais velhas.

Com o avançar da idade, é normal que os hábitos de sono se alterem. Estas mudanças não o devem preocupar nem alarmar: é normal conseguir recuperar energia e força com menos horas de sono ou mesmo ter vontade de dormir uma sesta durante a tarde.

Já sabe: se as mudanças de hábitos de sono levarem a distúrbios de sono como as insónias ou a apneia do sono, consulte imediatamente um especialista médico para poder ter acompanhamento especializado.

Dormir bem é sinal de saúde: não ponha em causa a sua por uma má noite de sono!

DEIXE AQUI O SEU COMENTÁRIO

Please enter your comment!
Please enter your name here

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.