Como Tornar o seu Frigorífico mais Eficiente tanto de Inverno como de Verão

Algumas dicas úteis para aumentar a eficiência do seu frigorífico em qualquer estação do ano.
frigorifico

Nem toda a gente se lembra que a temperatura exterior (na sua cozinha) tem influência no consumo de energia do frigorífico e na eficiência com que conserva os alimentos no seu interior.

A temperatura aconselhada para uma melhor conservação dos alimentos no interior do frigorífico é de 5ºC. O termóstato é o elemento responsável por medir constantemente a temperatura no interior do frigorífico de modo a “alertar” o mecanismo de refrigeração caso a temperatura suba acima do valor definido.

Com o tempo quente, mesmo um equipamento de boa qualidade e bem isolado, tem maior dificuldade em estabilizar a temperatura interna. E é esta batalha constante que aumenta significativamente o consumo de energia.

No inverno, o frigorífico consome muito menos energia, já que o esforço para estabilizar a temperatura interior é menor.

AUMENTAR A EFICIÊNCIA DO SEU FRIGORÍFICO

  • Instale o frigorífico num local fresco e ventilado, afastado de possíveis fontes de calor: radiação solar ou forno.
  • Certifique-se que as borrachas da porta estão em boas condições e mantenha a porta do frigorífico bem fechada sempre que possível.
  • Nunca coloque alimentos quentes no frigorífico. Opte por os deixar arrefecer no exterior.
  • Quando retira um alimento do congelador para o consumir no dia seguinte, em vez de o descongelar à temperatura ambiente, deixe-o descongelar no interior do frigorífico. Dando assim uma dose extra e gratuita de frio ao seu frigorífico.
  • Tente guardar as compras todas de uma vez só.
  • Organize os alimentos no interior do frigorífico conforme as suas necessidades.
  • Nos dias de maior calor, mantenha os estores ou persianas da cozinha fechados.
  • Ajuste o termostato de forma a manter a temperatura nos 5ºC. Se o seu frigorífico não vem equipado com um indicador de temperatura, poderá colocar um termómetro no seu interior. A sua leitura pode o ajudar a regular corretamente o termóstato do frigorífico.

Tem mais alguma sugestão para aumentar a eficiência dos frigoríficos? Partilhe-a nos comentários.


Subscreva a nossa newsletter para ficar sempre a par das novidades e receber alertas de novas amostras grátis e outras oportunidades para poupar e ganhar dinheiro… diretamente no seu email!

Não encontrou a informação que procurava? Faça uma pesquisa aqui:

Talvez lhe interesse:

2 respostas

  1. Certifique-se de que a circulação do ar na base e da parte traseira do aparelho é suficiente. Lembre-se que o frigorífico deve ficar a uma distância mínima de 10cm da parede.

    Coloque os alimentos no frigorífico consoante os diferentes níveis de refrigeração, evitando empilhar os mesmo para permitir a circulação do ar entre eles. Um frigorífico ou congelador cheio é mais eficiente do que um vazio, pelo que deve rechear o mesmo corretamente, colocando os alimentos nos respetivos compartimentos.

    Limpe o condensador, na parte traseira do frigorífico, a cada 4 meses. Não se esqueça de limpar regularmente o gelo acumulado no congelador (se este exceder 2mm gastará mais 10% de energia).

  2. Bom dia.
    Acabei de comprar um novo frigorífico e cheguei à conclusão que estava errado em relação à forma como devo regular a temperatura do mesmo, quer na parte da refrigeração, quer no congelador (tem duas portas).
    Ou seja: eu achava que de Verão podia ter uma temperatura mais suave (mais alta) no Inverno e que, pelo contrário, no Verão tinha que colocar mais frio dentro do frigorífico… para compensar a temperatura exterior mais alta.
    Agora, ao ler o manual deste novo frigorífico, estou a ver no congelador o regulador de temperatura: Cool (fresco) para o Verão e Cooler (mais fresco) para o Inverno.
    Alguém pode esclarecer-me se é mesmo assim?
    Obrigado.
    José Leal

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado. Campos obrigatórios marcados com *

Este site utiliza o Akismet para reduzir spam. Fica a saber como são processados os dados dos comentários.

Partilhe este artigo

Share on facebook
Share on twitter
Share on whatsapp
Share on linkedin

Sugestão de leitura

Este site utiliza cookies para permitir uma melhor experiência por parte do utilizador. Ao navegar no site estará a consentir a sua utilização.